Física2100
Olá visitante!

Por favor, faça login ou crie uma conta se ainda não estiver registado.

O sniper e as duas balas

Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Ir em baixo

O sniper e as duas balas

Mensagem por __gArY__ em 3rd Maio 2015, 16:50

Saudações,

Após anos sem postar aqui, venho para uma pergunta

Queria propor um experimento similar ao de michelson-morley, mas com balas ao invés da luz

Tendo em vista que o experimento original é feito por um emissor de luz (sniper), um separador de feixes (no caso não vai existir) e dois feixes de luz (duas balas)

No experimento proposto, o sniper atiraria dois rifles na perpendicular e só para facilitar o raciocínio as balas atingiram uma parede que as refletiria instantaneamente (assim como é o comportamento da luz, creio eu) sendo assim as balas voltariam para o sniper.

Assim como na experiência de michelson-morley, uma bala teria trajetória perpendicular ao movimento da terra e a outra paralela

Qual bala atingiria o sniper primeiro?

__gArY__
Membro Regular
Membro Regular

Mensagens : 189
Idade : 29
Localização : Brasília

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: O sniper e as duas balas

Mensagem por Jonas Paulo Negreiros em 3rd Maio 2015, 20:52

Oi, gAry!

Você deveria participar mais do Física2100, como acontecia no passado Surprised .

Quanto à sua pergunta, se as balas não sofrem nenhum tipo de aceleração (além da reflexão instantânea nos alvos), elas devem chegar às respectivas origens (rifles) na mesma hora.

Como esse assunto envolve outros aspectos além da física clássica, sugiro que acompanhe um debate sobre interferômetros mecânicos e ópticos, no endereço abaixo:

http://fisica2100.forumeiros.com/t1138-interferometros

Seus comentários serão bem-vindos!
avatar
Jonas Paulo Negreiros
Físico Profissional
Físico Profissional

Mensagens : 1658
Idade : 63
Localização : Jundiaí, São Paulo - Brasil

http://sbtvd.anadigi.zip.net

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: O sniper e as duas balas

Mensagem por Bosco em 4th Maio 2015, 23:28

Oi Gary, é um prazer tê-lo aqui novamente.

Vou responder sua pergunta usando o princípio de relatividade de Galileu.

Este princípio diz que as experiências feitas por um observador enclausurado num laboratório considerado em repouso ou em MRU, oferecem o mesmo resultado.

Portanto se num laboratório em repouso as duas balas chegam juntas, quando este estiver em MRU, o resultado será idêntico (estou considerando a Terra em MRU).

_________________
É mais fácil construir um universo associando efeitos, do que reunindo "substâncias".

Bosco
Membro Ativo
Membro Ativo

Mensagens : 421

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: O sniper e as duas balas

Mensagem por __gArY__ em 6th Maio 2015, 00:20

Amigos,

Voces tem certeza?

O movimento da terra não aproximaria o alvo mais rápido?

Uma bala está indo em direção contrária ao movimento da terra...

Com a luz o experimento não mostrou diferenças de tempo, mas não se somam velocidades relativas no caso da luz... Mas no caso da bala eu creio que somam-se as velocidades, não?

__gArY__
Membro Regular
Membro Regular

Mensagens : 189
Idade : 29
Localização : Brasília

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: O sniper e as duas balas

Mensagem por Jonas Paulo Negreiros em 6th Maio 2015, 09:53

gAry,

Você está com dificuldades em entender o princípio de relatividade de Galileu.

Galileu afirma que se você estiver no porão de um barco, não será capaz de dizer se o barco está parado ou movendo-se em velocidade constante.

Se o barco mover-se em velocidade variável, isto é: acelerar-se ou desacelerar-se em linha reta, ou fizer uma curva em movimento circular uniforme, você perceberá a ação do movimento instantaneamente, pelo aparecimento de forças de aceleração em seu corpo.

Do endereço sugerido na minha primeira postagem, apresento duas figuras que se assemelham seu problema proposto:




Se o trem está parado ou em movimento retilíneo uniforme, a distribuição das balas no espaço seguirá o padrão acima.





Se o trem acelera da esquerda para o direita, o padrão das balas asssemelha-se à segunda figura, acima.

Nota:
Em ambos os casos, não consideramos a ação da gravidade, que provoca uma sutil parábola na trajetória das balas, dentro do espaço delimitado pelo vagão do trem.
avatar
Jonas Paulo Negreiros
Físico Profissional
Físico Profissional

Mensagens : 1658
Idade : 63
Localização : Jundiaí, São Paulo - Brasil

http://sbtvd.anadigi.zip.net

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: O sniper e as duas balas

Mensagem por Bosco em 6th Maio 2015, 16:15

Concordo com a explicação do Jonas.

_________________
É mais fácil construir um universo associando efeitos, do que reunindo "substâncias".

Bosco
Membro Ativo
Membro Ativo

Mensagens : 421

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: O sniper e as duas balas

Mensagem por Bosco em 6th Maio 2015, 16:23

__gArY__ escreveu:O movimento da terra não aproximaria o alvo mais rápido?
A bala tem que ir até o anteparo e voltar para o ponto de observação.
Temos portanto o percurso de ida e de volta. Se o movimento da Terra ajuda num sentido, então ela atrapalha na direção oposta, neutralizando a diferença.

_________________
É mais fácil construir um universo associando efeitos, do que reunindo "substâncias".

Bosco
Membro Ativo
Membro Ativo

Mensagens : 421

Voltar ao Topo Ir em baixo

Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Voltar ao Topo


Permissão deste fórum:
Você não pode responder aos tópicos neste fórum