Física2100
Olá visitante!

Por favor, faça login ou crie uma conta se ainda não estiver registado.

Pode a mente humana ser apenas um mecanismo de filtragem?

Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Ir em baixo

Pode a mente humana ser apenas um mecanismo de filtragem? Empty Pode a mente humana ser apenas um mecanismo de filtragem?

Mensagem por Carlos Costa em 26th Outubro 2010, 14:37

"Nosso cérebro recebe 400 bilhões de bits de informação por segundo. Entretanto, nossa consciência só percebe 2.000 bits/s desse total”. E é exatamente essa “pequena” quantidade percebida que criará nossa realidade."

Fonte: http://www.sbneurociencia.com.br/drrobertomuller/artigo2.htm

Ao ver um programa televisivo sobre o LSD, tive a ideia que a mente humana pode ser apenas um mecanismo de filtragem essencial à sobrevivência do organismo, e desse modo à sobrevivência da espécie humana.

O nosso cérebro recebe em média 400 biliões de bits de informação por segundo do mundo exterior, mas nós só percebemos 2 mil bits desse total. Isso ocorre porque a mente humana descarta a maior parte da informação quando a liga a conceitos predefenidos. É por isso que às vezes o mundo parece aborrecido e monótomo. O que o LSD faz (e também outras drogas) é anular esse mecanismo de filtragem - a mente -, e assim apercebemos-nos do mundo tal como ele é (exceptuando algumas ilusões criadas por o cérebro sobre a influência dessas mesmas drogas).

Se não fosse esse mecanismo de filtragem, o organismo estaria em problemas, pois a nossa consciência ao lidar com 400 biliões de bits de informação não perceberia certos riscos e assim o organismo não sobreviveria muito tempo. Pessoas sob o efeito de LSD, entram em locais perigosos e metem-se em situações inseguras. Podemos dizer que o LSD desativa a mente.

Segundo a minha ideia, a função da mente é mesmo essa: filtrar a informação, para nos colocar num "casulo" - "casulo" esse que é a personalidade - mais seguro e assim aumentar as possibilidades do organismo sobreviver. Ou seja, a mente humana desenvolveu-se na natureza para a nossa espécie conseguir sobreviver, dado o grande tamanho do nosso cérebro. A mente é apenas um mecanismo de filtragem.

Resta dizer que, segundo os neurologistas, a mente humana é apenas o produto do trabalho do cérebro, organizado conforme as nossas experiências e influenciado por os nossos genes (um gene pode aumentar os riscos de esquizofrenia, por exemplo). Segundo a minha opinião, a mente é apenas uma pequena parte do cérebro: é um simples instrumento de sobrevivência.

O que acham desta minha teoria?

_________________
http://cosmosazul.blogs.sapo.pt

Carlos Costa
Administrador

Mensagens : 2172
Idade : 36
Localização : Porto, Portugal

http://cosmosazul.blogs.sapo.pt

Voltar ao Topo Ir em baixo

Pode a mente humana ser apenas um mecanismo de filtragem? Empty Re: Pode a mente humana ser apenas um mecanismo de filtragem?

Mensagem por Gauss em 26th Outubro 2010, 21:14

Pode ser um dos muitos mecanismos da mente e não apenas um. A mente como lhe chamamos serve o propósito de racicionar.

Mas é uma teoria mais que excelente.

Gauss
Membro Ativo
Membro Ativo

Mensagens : 324
Idade : 26

Voltar ao Topo Ir em baixo

Pode a mente humana ser apenas um mecanismo de filtragem? Empty Re: Pode a mente humana ser apenas um mecanismo de filtragem?

Mensagem por Carlos Costa em 27th Outubro 2010, 15:29

Algo interessante sobre a mente - e que prova que ela é apenas uma função do cérebro - é a calosotomia. Após essa intervenção cirúrgica, o paciente fica com... duas mentes!

No artigo Mente da Wikipédia temos alguns exemplos: (vou sublinhar as partes que considero mais importantes dessa parte do artigo.)

"O estudo de pessoas que tiveram os dois hemisférios cerebrais separados (o que se chama de calosotomia, resultado de cirurgia para tratar casos graves de epilepsia, ou devido a traumatismos ou derrames) têm trazido importantes implicações para o entendimento do funcionamento da mente. Os hemisférios direito e esquerdo são em muitos aspectos simétricos. O hemisfério direito controla o lado esquerdo do corpo e o hemisfério direito controla o lado esquerdo e as funções mentais são distribuidas nos dois. No entanto, na maioria das pessoas, algumas funções mentais são mais concentrados no hemisfério esquerdo (linguagem, raciocínio linear), enquanto outras são mais concentradas no direito (emoções intensas, intuição espacial do próprio corpo, expressão emocional no rosto). Além disso, o campo visual esquerdo de cada olho é recebido pelo hemisfério direito e o campo visual direito é recebido pelo esquerdo. O corpo caloso permite a comunicação entre os dois hemisférios.

Ocorre que nos pacientes que tiveram seu corpo caloso completamente dividido (calosotomia), os hemisférios perdem a comunicação entre si (embora com o tempo o cérebro tenda a encontrar outras maneiras de estabelecer comunicação entre os dois hemisférios através de outras conexões nervosas que existem no cérebro além do corpo caloso). Com isso, o hemisfério esquerdo, que controla o lado direito do corpo e é especializado na linguagem, passa a funcionar de modo separado do hemisfério direito, que controla o lado esquerdo do corpo e é especializado nas emoções.

Embora o hemisfério direito não tenha acesso aos centros de línguagem e, portanto, não possa falar, ele pode rearranjar cartas com letras dispostas numa mesa com a mão esquerda. Por exemplo, em um estudo, a um sujeito que havia sofrido calosotomia foi perguntado sobre qual é sua profissão ideal. Verbalmente (ou seja, usando o hemisfério esquerdo), o paciente respondeu que ele gostaria de ser desenhista. No entanto, com a mão esquerda (isto é, usando o hemisfério direito), ele rearranjou as letras formando as palavras "corrida automobilística" ("car race", em inglês) sem que seu hemisfério esquerdo (o que fala) tivesse consciência disso.

Roger Sperry, sobre numa pesquisa com pacientes com o cérebro dividido, relata que, quando foi mostrada ao hemisfério direito do paciente (por meio de óculos especiais que bloqueiam o campo visual direito de cada olho) uma foto de uma pessoa familiar, a mão esquerda apontou a primeira letra do nome dessa pessoa, embora o paciente dissesse (o hemisfério esquerdo) que não via foto alguma e que tampouco movia o braço esquerdo. Quando uma foto do próprio paciente foi mostrada ao hemisfério direito, o paciente respondeu com reações emocionais tais como gargalhadas e sorriso autoconsciente, além de frases emocionais simples como "Oh, não! Oh, Deus!". O hemisfério direito também respondeu com polegar para cima ou para baixo de modo socialmente correto para fotos de personalidades famosas tais como Winston Churchill e Hitler. Tudo isso com o paciente dizendo (seu hemisfério esquerdo) que não via foto nenhuma.

O hemisfério direito do cérebro, funcionando independentemente e isolado do esquerdo, demostra inteligência. Ele pode perceber, analisar, lembrar, realizar raciocínio complexo, compreender emoções e expressá-las, demostrar conhecimento cultural e responder criativamente a novas situações.

Essas pesquisas mostram que, em alguns casos de cérebro dividido, o cérebro gera o que parece ser duas consciências separadas. A pesquisa sobre pacientes com cérebro dividido levou o neurocientista e ganhador do prêmio Nobel Roger Sperry a concluir: "Tudo o que vimos indica que a cirurgia deixou essas pessoas com duas mentes distintas, isto é, duas esferas separadas de consciência. O que é experimentado no hemisfério direito parece estar totalmente fora do âmbito do que é experimentado pelo hemisfério esquerdo."

Uma das consequências mais dramáticas e evitadas da calosotomia é a Sindrome da mão alheia. Uma das mãos "ganha vontade própria" (em geral a esquerda) após a cirurgua e se opõe ao que o paciente deseja, desfazendo o que a mão direita faz (conflito intermanual). Por exemplo, tarefas como abrir uma porta com a mão direita é desfeita pela esquerda. Ao se vestir, a mão esquerda pode se opor, e luta para tirar a roupa que a mão direita por sua vez luta para colocar. Em outro caso, a mão esquerda (hemisfério direito) de um paciente preferia alimentos diferentes e até mesmo programas de televisão diferentes, intervindo contra a vontade expressa pelas ações da mão direita que é verbalizada pelo paciente. Há ainda o caso de um paciente cuja mão esquerda se opunha sempre que o paciente tentava acender um cigarro e fumar, a mão esquerda frequentemente arrancava o cigarro ou o esqueiro e os atirava longe. Outro caso relatado é a de um paciente cuja mão estranha apalpava o seio de todas as mulheres que se aproximavam dele, provocando um grande contrangimento para ele.

Esses estudos científicos colocam sérias questões ao dualismo, pois seus resultados parecem inconciliáveis com a idéia da existência de uma alma individual (isto é, indivisível) independente do cérebro, já que fornecem fortes evidências de que uma divisão física do cérebro produz como que duas almas diferentes que possuem propósitos, gostos, opiniões, personalidade e pensamentos diversos, embora compartilhem lembranças de fatos anteriores à separação dos hemisférios. Se a mente se torna duas mentes ao nível físico do cérebro dividido em dois, como não concluir que, durante o momento da morte física do cérebro e a ruptura cada vez maior das conexões neuronais, o que chamamos de mente se multiplica em numeráveis "mentes" cada vez mais dispersas até que todas as conexões se desfazem?
"

Gauss escreveu:Pode ser um dos muitos mecanismos da mente e não apenas um.
Sim, quanto a isso tens razão. Wink

_________________
http://cosmosazul.blogs.sapo.pt

Carlos Costa
Administrador

Mensagens : 2172
Idade : 36
Localização : Porto, Portugal

http://cosmosazul.blogs.sapo.pt

Voltar ao Topo Ir em baixo

Pode a mente humana ser apenas um mecanismo de filtragem? Empty Re: Pode a mente humana ser apenas um mecanismo de filtragem?

Mensagem por Xevious em 7th Novembro 2010, 02:51

em certo sentido é um filtro sim
acredito que nosso subconciente age como um filtro

mas o celebro não é só isso

Xevious
Físico Amador
Físico Amador

Mensagens : 742

Voltar ao Topo Ir em baixo

Pode a mente humana ser apenas um mecanismo de filtragem? Empty Re: Pode a mente humana ser apenas um mecanismo de filtragem?

Mensagem por Safra em 7th Novembro 2010, 04:11

Creio que não um filtro, mas uma parede. Se fosse um filtro, teria de abstrair do ambiente para abrir outra processo para processar o que já havia processado. Bloqueio, creio, ser mais correto.
Safra
Safra
Membro Ativo
Membro Ativo

Mensagens : 497
Idade : 29
Localização : São Paulo

Voltar ao Topo Ir em baixo

Pode a mente humana ser apenas um mecanismo de filtragem? Empty Re: Pode a mente humana ser apenas um mecanismo de filtragem?

Mensagem por Conteúdo patrocinado


Conteúdo patrocinado


Voltar ao Topo Ir em baixo

Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Voltar ao Topo


Permissão deste fórum:
Você não pode responder aos tópicos neste fórum