Física2100
Olá visitante!

Por favor, faça login ou crie uma conta se ainda não estiver registado.

Tele-Transporte Quântico

Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Ir em baixo

Tele-Transporte Quântico

Mensagem por Xevious em 22nd Junho 2018, 04:51



Antes de explicar devo esclarecer que não se trata da tecnologia conhecida como entrelaçamento quântico, que a algum tempo foi alardeada como sendo tele-transporte quântico.

Infelizmente até a consagrada Revista Galileu falhou divulgando o título errado na reportagem => Cientistas fazem teletransporte quântico entre dois objetos macroscópicos
Mas já no inicio da matéria já se retrata e explica "Isso não quer dizer que estamos próximos de nos teletransportar - mas é um passo em rumo da internet quântica"

E é verdade a tecnologia do Entrelaçamento Quântico e sua tecnologia derivada a Internet Quântica (ainda em desenvolvimento), quando estiver disponível será revolucionária, MESMO!

Mas não se trata teste assunto..



Portanto não se trata de alguma tecnologia já sendo implementada ou em fase de testes.
Este artigo trata de uma teoria,nova.

Tele-Transporte Quântico

O ponto inicial desta teoria é que as partículas atômicas desaparecem e reaparecem em outros locais.
É o fenômeno conhecido como Salto-Quântico.

Há aqui no fórum, várias reportagens que podem servir como base inicial de conhecimento para quem quiser compreender melhor esta teoria.
Nêutrons podem ter a habilidade de “escapar” deste universo
Fotons criados ao pares surgem em locais diferentes
Conseguiram medir o tempo passado num salto quântico
Possível constatação de velocidade acima a da luz
Vácuo quântico desacelera rotação dos pulsares
Orbita mais rápida já detectada

Inicialmente vamos a explicação para o fenômeno do Entrelaçamento Quântico.
Que até hoje, ele pode ser medido, criado, utilizado, mas nunca explicado.

A explicação consiste que as partículas estão separadas, somente no nosso universo e não em todos.

Nosso universo é na verdade a parte que podemos detectar de um universo total.
E nossa detecção é derivada da nossa velocidade, na velocidade de frequência de todas as partículas deste universo.
Que é a nossa conhecida velocidade "C" também conhecida como velocidade da luz.

Outra premissa é uma afirmação feita por muitos cientistas, de que nosso universo é um holograma.
É e não é, a constituição material de cada universo é como um holograma, formado pelas partículas na ressonância daquele universo.

E a velocidade das partículas, sua vibração ela é UMA DIMENSÃO a parte.

Assim como altura, largura, profundidade, uma possibilidade de variabilidade é sua VIBRAÇÃO.




Qual seria a diferença de duas partículas com estas propriedades iguais, com exessão da vibração?
É que elas seriam detectáveis em universos diferentes.

Portanto para que uma partícula deixe de estar presente no nosso universo.
A ação necessária é alterar sua velocidade de vibração.

Como?
Isso se faz adicionando ou extraindo energia do meio, de forma apropriada..


Para qual velocidade?
Creio que não seja qualquer velocidade, que não seja qualquer velocidade que poderia ser constante e estabilizada.
Creio que um cálculo que envolvesse as ressonâncias possíveis entre velocidades, poderia indicar quais seriam as velocidades possíveis enquanto que as outras decairiam para algumas das estáveis.


Qual seria o resultado?
A partícula deixaria de ser detectada, em outras palavras, desapareceria.

E depois..
Apareceria depois, dependendo de qual alteração de velocidade foi realizada, se for para mais, ela retornaria a nossa vibração posteriormente.
Mas se fosse para baixo, não, ela não retornaria mais para nosso universo, a não ser que algo faça ela aumentar de vibração naquele outro.


Já houve um experimento com uma aceleração de uma partícula, mas era para testar uma tecnologia que permitia aceleração de rotação em velocidades enormes mas numa área muito pequena.
O objeto desapareceu..
Nunca foi encontrado..


Na verdade as coisas são um pouco mais complicadas.
Porque nada esta somente aqui.

Então para sermos mais precisos, precisamos alterar a vibração daquela parte que podemos, que é a que esta neste universo.

Oque é necessário se fazer agora é repetir o experimento de super-aceleração-rotacional, para observar onde e quando o objeto retornará a ser observável.
Assim poderemos obter dados para chegar a outras deduções.


Agora extrapolando a técnica para o futuro.
Poderíamos fazer algo desaparecer do nosso universo e reaparecer novamente em outro local.

Esse retorno teria limitações semelhantes as que temos agora com o fenômeno entrelaçamento quântico.
Que são, Não há limite de distância.
E não há tempo envolvido no processo por isto não é cabível uma medição de tempo e não podemos chegar a firmar que se trata de uma velocidade superior a da luz, afinal o deslocamento não ocorre aqui no nosso universo.

Resumindo, poderíamos nos deslocar até mesmo entre um e outro sistema solar.
Sem que precisássemos utilizar energias em escalas estelares (como o da teoria da Dobra Espacial).


Alguns comentários relacionados..
Movimentação dos Ovnis.
Uma movimentação que não esta sujeita a gravidade presente no nosso planeta, explica a movimentação de alguns Ovnis que parecem se movimentar instantaneamente de um ponto ao outro, ou pelo menos sem obedescer as leis de aerodinâmica.
Não estar completamente no nosso universo, pode criar uma porosidade e transparência na matéria a ponto de a área visível parecer não obedescer as leis da gravidade, mas na verdade seria uma ilusão, seria como que uma grande avião tivesse um peso de uma folha..

Experimento Filadélfia
A transparência material demonstrada no experimento, pode ser explicada pela mudança da frequencia das partículas por um brévissimo tempo, causando o efeito de uma matéria entrar dentro da outra, ao retornar ao nosso estado normal.
Mas não tenho como correlacionar a minha proposta de experimento com o que teria acontecido naquela ocasião em 1943.


Outras matérias correlacionadas, também de minha autoria.
Universo Quântico
Matéria escura pode não estar neste universo
Só existem Buracos Brancos
Energia na forma de ondas explica fenômenos quânticos

Xevious
Físico Amador
Físico Amador

Mensagens : 730

Voltar ao Topo Ir em baixo

Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Voltar ao Topo


Permissão deste fórum:
Você não pode responder aos tópicos neste fórum