Física2100
Olá visitante!

Por favor, faça login ou crie uma conta se ainda não estiver registado.

Participe do fórum, é rápido e fácil

Física2100
Olá visitante!

Por favor, faça login ou crie uma conta se ainda não estiver registado.
Física2100
Gostaria de reagir a esta mensagem? Crie uma conta em poucos cliques ou inicie sessão para continuar.

Carta de Einstein dizendo que Deus é 'produto da fraqueza humana' vai a leilão

Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Ir para baixo

Carta de Einstein dizendo que Deus é 'produto da fraqueza humana' vai a leilão Empty Carta de Einstein dizendo que Deus é 'produto da fraqueza humana' vai a leilão

Mensagem por Jonas Paulo Negreiros 7th dezembro 2018, 06:49

Carta de Einstein dizendo que Deus é 'produto da fraqueza humana' vai a leilão

BBC
4 dezembro 2018

A carta de Albert Einstein para Eric Gutkin, de 1954, aborda a religião em duas páginas manuscritas em alemão

"A palavra Deus não é para mim mais que a expressão e o produto da fraqueza humana", escreveu Albert Einstein em uma de suas cartas mais famosas, datada de janeiro de 1954, quando tinha 75 anos.

Era uma resposta ao filósofo judeu alemão Eric Gutkind, que havia enviado para Einsten uma cópia de seu livro Escolher a Vida: O Chamado Bíblico à Rebelião. Na carta de duas páginas, manuscrita e em alemão, Einstein aborda religião, sua identidade judia e sua própria busca do sentido da vida.

A correspondência será leiloada nesta terça-feira, em Nova York. No lote do leilão, também estão o livro enviado por Gutkind a Einstein, uma foto do filósofo e o envelope. O preço estimado é de 1 a 1,5 milhão de dólares (cerca de R$ 3,85 a R$ 5,78 milhões).

A carta começa de forma muito diplomática, mas não deixa dúvidas sobre a crítica de Einstein ao livro. O físico qualifica a religião judaica como uma "encarnação supersticiosa", assim como todas as religiões, e diz que a Bíblia é "uma coleção de lendas veneráveis, mas bastante primitivas".

"Nenhuma interpretação, não importa quão sutil seja, mudará meu ponto de vista sobre isso."

"O povo judeu, ao qual pertenço de bom grado, e em cuja forma de pensar me sinto profundamente ancorado, não tem para mim nenhum tipo de dignidade diferente do restante dos povos. Segundo a minha experiência, (os judeus) não são, na realidade, melhores que outros grupos humanos", escreveu o físico.

A carta foi enviada de Princeton, nos Estados Unidos. No ano seguinte, Einstein morreria no país.

O pensamento de Einstein sobre a religião foi muito influenciado pela obra do filósofo Baruch Spinoza

Pontos de acordo entre Einstein e seu interlocutor

O livro foi o terceiro publicado por Gutkind. Nele, o filósofo apresentava a Bíblia como um chamado à luta e o judaísmo e Israel como entes incorruptíveis. Ainda que Einstein tenha criticado abertamente esses pontos, também assinalou na carta alguns pontos de convergência.

"Agora que expressei de forma aberta nossas diferenças do que diz respeito às convicções intelectuais, ainda tenho claro que estamos muito próximos (em pensamento) acerca do essencial, ou seja, em nossas avaliações sobre o comportamento humano", escreveu Einstein.

"Creio que nos entenderíamos muito bem se conversássemos sobre coisas concretas", concluiu.

Ainda que fosse de uma família judia, Einstein tinha um pensamento sobre religião que foi moldado durante sua estada en Zurique, na Suíça, quando os livros do filósofo Baruch Spinoza caíram em suas mãos.

O Deus de Spinoza era amorfo e impessoal, responsável pela ordem do Universo e pela beleza da natureza. Essa linha de pensamento se enraizou profundamente no filósofo.

https://www.bbc.com/portuguese/internacional-46444567

_________________
Gráviton, onde tu estás que não te encontro Razz ?
Jonas Paulo Negreiros
Jonas Paulo Negreiros
Físico Profissional
Físico Profissional

Mensagens : 4039
Idade : 70
Localização : Jundiaí, São Paulo - Brasil

https://web.archive.org/web/20170721052353/sbtvd.anadigi.zip.net

Ir para o topo Ir para baixo

Carta de Einstein dizendo que Deus é 'produto da fraqueza humana' vai a leilão Empty Re: Carta de Einstein dizendo que Deus é 'produto da fraqueza humana' vai a leilão

Mensagem por Jonas Paulo Negreiros 10th setembro 2020, 12:21



Opiniões, pode haver muitas. Mas a verdade é uma só

_________________
Gráviton, onde tu estás que não te encontro Razz ?
Jonas Paulo Negreiros
Jonas Paulo Negreiros
Físico Profissional
Físico Profissional

Mensagens : 4039
Idade : 70
Localização : Jundiaí, São Paulo - Brasil

https://web.archive.org/web/20170721052353/sbtvd.anadigi.zip.net

Ir para o topo Ir para baixo

Carta de Einstein dizendo que Deus é 'produto da fraqueza humana' vai a leilão Empty Re: Carta de Einstein dizendo que Deus é 'produto da fraqueza humana' vai a leilão

Mensagem por Jonas Paulo Negreiros 18th janeiro 2024, 07:14

Espaço em Aberto

_________________
Gráviton, onde tu estás que não te encontro Razz ?
Jonas Paulo Negreiros
Jonas Paulo Negreiros
Físico Profissional
Físico Profissional

Mensagens : 4039
Idade : 70
Localização : Jundiaí, São Paulo - Brasil

https://web.archive.org/web/20170721052353/sbtvd.anadigi.zip.net

Ir para o topo Ir para baixo

Carta de Einstein dizendo que Deus é 'produto da fraqueza humana' vai a leilão Empty Re: Carta de Einstein dizendo que Deus é 'produto da fraqueza humana' vai a leilão

Mensagem por Jonas Paulo Negreiros 18th janeiro 2024, 08:01

Quando Newton ditou as bases da mecânica clássica, tais como espaço e tempo absolutos, ele certamente encarnou o papel de Deus, uma vez que seriam necessárias condições de onipresença e onisciência, a fim de constatar se dois eventos muito distantes poderiam acontecer ao mesmo tempo.

Carta de Einstein dizendo que Deus é 'produto da fraqueza humana' vai a leilão Exn10

Einstein tirou Deus da equação. E a partir de então, ninguém entendeu mais nada.


Última edição por Jonas Paulo Negreiros em 19th janeiro 2024, 07:42, editado 1 vez(es)

_________________
Gráviton, onde tu estás que não te encontro Razz ?
Jonas Paulo Negreiros
Jonas Paulo Negreiros
Físico Profissional
Físico Profissional

Mensagens : 4039
Idade : 70
Localização : Jundiaí, São Paulo - Brasil

https://web.archive.org/web/20170721052353/sbtvd.anadigi.zip.net

Ir para o topo Ir para baixo

Carta de Einstein dizendo que Deus é 'produto da fraqueza humana' vai a leilão Empty Re: Carta de Einstein dizendo que Deus é 'produto da fraqueza humana' vai a leilão

Mensagem por Jonas Paulo Negreiros 19th janeiro 2024, 07:20

Quando Newton ditou as bases da mecânica clássica, tais como espaço e tempo absolutos, ele certamente encarnou o papel de Deus, uma vez que seriam necessárias condições de onipresença e onisciência, a fim de constatar se dois eventos muito distantes poderiam acontecer ao mesmo tempo.

Carta de Einstein dizendo que Deus é 'produto da fraqueza humana' vai a leilão Exn10

Einstein tirou Deus da equação. E a partir de então, ninguém entendeu mais nada.

Pelas limitações de nossas capacidades de observação, somos obrigados a relativizar as coisas, pois não podemos definir a sincronicidade ou ordem de eventos muito distantes entre si, mas isso não impede de que essa ordem de fato exista.

mais:
https://fisica2100.forumeiros.com/t986-movimento-retilineo-utopico#5097


Última edição por Jonas Paulo Negreiros em 19th janeiro 2024, 08:39, editado 1 vez(es)

_________________
Gráviton, onde tu estás que não te encontro Razz ?
Jonas Paulo Negreiros
Jonas Paulo Negreiros
Físico Profissional
Físico Profissional

Mensagens : 4039
Idade : 70
Localização : Jundiaí, São Paulo - Brasil

https://web.archive.org/web/20170721052353/sbtvd.anadigi.zip.net

Ir para o topo Ir para baixo

Carta de Einstein dizendo que Deus é 'produto da fraqueza humana' vai a leilão Empty Re: Carta de Einstein dizendo que Deus é 'produto da fraqueza humana' vai a leilão

Mensagem por Jonas Paulo Negreiros 19th janeiro 2024, 08:17

O valor dos erros de Einstein

Constantes fundamentais, Mecânica newtoniana, Avaliação educacional, Físicos

Em seu artigo cuidadoso e oportuno, Steven Weinberg analisa alguns dos erros de Einstein e observa outros. Outro erro conceitual fundamental está oculto no célebre artigo de Einstein sobre a relatividade, de 1905.

Numa longa discussão na primeira parte desse artigo, Einstein mostrou que a velocidade da luz pode se tornar constante adotando uma sincronização de relógio baseada em sinais luminosos bidirecionais. Com essa sincronização, as medições da velocidade unidirecional da luz tornam-se logicamente circulares, e Einstein declarou mais tarde que a constância da velocidade da luz “não era uma suposição nem uma hipótese sobre a natureza física da luz, mas uma estipulação que posso fazer a meu livre arbítrio chegar a uma definição de simultaneidade.” 1

No entanto, Einstein ignorou que a validade das leis de Newton em baixas velocidades em cada referencial permite o uso de métodos mecânicos simples de sincronização, como transporte lento de relógio ou sinais sonoros. O procedimento de sincronização de Einstein com sinais luminosos é, portanto, supérfluo – não desempenha nenhum papel fundamental e é apenas o mais conveniente de vários procedimentos de sincronização possíveis. Além disso, se os relógios são sincronizados por transporte lento ou por algum outro procedimento mecânico, então as medições da velocidade unidirecional da luz não são logicamente circulares, e essas medições fornecem um teste experimental inequívoco da constância desta velocidade. Na verdade, o transporte do relógio tem sido utilizado em tais testes experimentais. 2,3 Einstein deveria ter considerado as implicações de procedimentos alternativos de sincronização para os fundamentos conceituais da relatividade, e deveria ter reconhecido que a constância da velocidade da luz tinha de ser estabelecida por experimento, e não por estipulação.

REFERENCES
1.
A. Einstein , The Collected Papers of Albert Einstein, vol. 6, English translation, Princeton U. Press, Princeton, NJ (1996), p. 439.Google Scholar
2.
T. P. Krisher  et al, Phys. Rev. D 42, 731 (1990) https://doi.org/10.1103/PhysRevD.42.731.Crossref  
3.
P. Wolf , G. Petit , Phys. Rev. A 56, 4405 (1997) https://doi.org/10.1103/PhysRevA.56.4405.Crossref

fonte original em inglês:
https://pubs.aip.org/physicstoday/article/59/4/10/390712/The-value-of-Einstein-s-mistakes

_________________
Gráviton, onde tu estás que não te encontro Razz ?
Jonas Paulo Negreiros
Jonas Paulo Negreiros
Físico Profissional
Físico Profissional

Mensagens : 4039
Idade : 70
Localização : Jundiaí, São Paulo - Brasil

https://web.archive.org/web/20170721052353/sbtvd.anadigi.zip.net

Ir para o topo Ir para baixo

Carta de Einstein dizendo que Deus é 'produto da fraqueza humana' vai a leilão Empty Re: Carta de Einstein dizendo que Deus é 'produto da fraqueza humana' vai a leilão

Mensagem por Jonas Paulo Negreiros 19th janeiro 2024, 14:12

Comentário do colega Roger, do GSJ Phisics Forum

Bem, se por exemplo - entramos em um quarto escuro e ligamos o interruptor da luz e então a lâmpada acendeu; não há razão para supor que os eventos possam acontecer ao contrário (com a lâmpada acesa primeiro e depois o interruptor da luz sendo ligado). SE víssemos essa série de eventos (lâmpada acesa antes de ser ligada), então suspeitaríamos de algo errado - como a luz da lâmpada chegando até nós antes da luz do interruptor ser ligada, porque a lâmpada está mais perto de nós do que o interruptor . Assim, a simultaneidade é absoluta e NÃO relativa. Os que acreditam na relatividade só querem acreditar que o absurdo é possível.

https://www.tapatalk.com/groups/gsjournal/einstein-vs-newton-t14477.html

_________________
Gráviton, onde tu estás que não te encontro Razz ?
Jonas Paulo Negreiros
Jonas Paulo Negreiros
Físico Profissional
Físico Profissional

Mensagens : 4039
Idade : 70
Localização : Jundiaí, São Paulo - Brasil

https://web.archive.org/web/20170721052353/sbtvd.anadigi.zip.net

Ir para o topo Ir para baixo

Carta de Einstein dizendo que Deus é 'produto da fraqueza humana' vai a leilão Empty Re: Carta de Einstein dizendo que Deus é 'produto da fraqueza humana' vai a leilão

Mensagem por Jonas Paulo Negreiros 25th janeiro 2024, 08:01

Carta de Einstein dizendo que Deus é 'produto da fraqueza humana' vai a leilão Chimer10

A relatividade é uma quimera que consome boa parte da vida produtiva dos pensadores.

_________________
Gráviton, onde tu estás que não te encontro Razz ?
Jonas Paulo Negreiros
Jonas Paulo Negreiros
Físico Profissional
Físico Profissional

Mensagens : 4039
Idade : 70
Localização : Jundiaí, São Paulo - Brasil

https://web.archive.org/web/20170721052353/sbtvd.anadigi.zip.net

Ir para o topo Ir para baixo

Carta de Einstein dizendo que Deus é 'produto da fraqueza humana' vai a leilão Empty Re: Carta de Einstein dizendo que Deus é 'produto da fraqueza humana' vai a leilão

Mensagem por Jonas Paulo Negreiros 9th fevereiro 2024, 10:04

Jonas Paulo Negreiros escreveu:
Carta de Einstein dizendo que Deus é 'produto da fraqueza humana' vai a leilão Chimer10

A relatividade é uma quimera que consome boa parte da vida produtiva dos pensadores.

Coincidência?  Auto-engano?

Fisica2100, humildemente, a inspirar produtores de ciência e buscadores de pautas pelo mundo afora  Razz :

Camuflagem quimera esconde coisas da luz visível, microondas e infravermelho
Redação do Site Inovação Tecnológica - 09/02/2024
https://www.inovacaotecnologica.com.br/noticias/noticia.php?artigo=camuflagem-quimera-esconde-coisas-luz-visivel-microondas-infravermelho&id=010160240209&ebol=sim

_________________
Gráviton, onde tu estás que não te encontro Razz ?
Jonas Paulo Negreiros
Jonas Paulo Negreiros
Físico Profissional
Físico Profissional

Mensagens : 4039
Idade : 70
Localização : Jundiaí, São Paulo - Brasil

https://web.archive.org/web/20170721052353/sbtvd.anadigi.zip.net

Ir para o topo Ir para baixo

Carta de Einstein dizendo que Deus é 'produto da fraqueza humana' vai a leilão Empty Re: Carta de Einstein dizendo que Deus é 'produto da fraqueza humana' vai a leilão

Mensagem por Conteúdo patrocinado


Conteúdo patrocinado


Ir para o topo Ir para baixo

Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Ir para o topo

- Tópicos semelhantes

Permissões neste sub-fórum
Não podes responder a tópicos