Física2100
Olá visitante!

Por favor, faça login ou crie uma conta se ainda não estiver registado.

Entrevista com o Dr. Milo Wolff

Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Ir em baixo

Entrevista com o Dr. Milo Wolff

Mensagem por Jonas Paulo Negreiros em 18th Março 2012, 10:07

Entrevista com o Dr. Milo Wolff (primeira parte)

   Encontrei no Youtube essa entrevista com Dr. Milo Wolff, ganhador do Prêmio Sagnac de 2010, outorgado pela NPA - Natural Philosophy Alliance, Aliança de Filosofia Natural, uma organização que alinha físicos, filosofos e curiosos que não concordam com Einstein nem com a Escola de Copenhagen. Vamos apresentar a entrevista em partes, a fim de que os colegas do Forum Fisica 2100 possam fazer seus comentários.

   O repórter é Geoff Haselhurst, genro do Dr. Wolff e seguidor de sua obra.

   O Dr. Wolff fala sobre a dualidade partícula-onda, polêmica que se arrasta no mundo da física por quase cem anos. A visão do Dr. Wolff é chocante. Para ele, não existe matéria. Apenas ondas.


Problemas de auto-identidade do fóton
Eu sou um fóton de raios-x? Ou um fóton de rádio? Ou [um foton] visível?
Oh, inferno! Por que me preocupar com isso novamente? Eu nunca terei certeza se sou uma onda ou uma partícula!


   Repórter:
   - Muito bem, como o senhor descobriu a estrutura esférica de uma onda estacionária?

   Dr. Wolff:
   - Eu era apenas curioso. Em 1955, fiz um curso de Mecânica Quântica. Era um curso de graduação superior. Eu nunca havia feito um curso - qualquer curso - de Mecânica Quântica.

   Eu me sentia como uma pessoa xucra. Eu nunca entendi a origem das ondas de (Louis) DeBroglie, nas quais se diz que se uma partícula segue desse modo (gesticula o indicador em movimento diagonal descendente), ela tem uma onda, a qual [seu comprimento] é inversamente proporcional ao seu momento [quantidade de movimento, ou também, massa multiplicada pela velocidade].
   [Comprimento de Onda de uma partícula é igual a] Constante de Plank dividida pela massa multiplicada pela velocidade [h/mv]. E como eu disse, eles chamavam isto de "comprimento de onda de Broglie", porque foi DeBroglie o primeiro a propô-la. É claro que DeBroglie ou qualquer outro não sabiam de onde ela veio! Nunca ninguém soube.

   Mas eu nunca entendi aquilo que nunca ninguém entendeu (humor). Eu me sentia um idiota. Jamais abri minha boca numa aula sequer!

   Trinta anos depois... Eu só pensava nessa coisa. E isso me preocupava o tempo todo. Um dia, eu estava lendo um livro chamado "Tudo sobre as ondas", de um professor de Harvard...De repente, algo veio à minha mente. Deveria haver alguma espécie complicada de efeito Doppler acontecendo.



   Rabisquei umas poucas equações e descobri que se você tem somente uma [única] combinação de ondas, uma que entra e outra que que sai, você obtém os comprimentos de onda de DeBroglie.

   Repórter:
   - O senhor estava falando à respeito da combinação de uma onda que entra e outra que sai de duas partículas diferentes?

   Dr. Wolff:
   - Sim, sim. Duas partículas diferentes.

   Repórter:
   - Então o senhor falava à respeito da interação de quatro ondas.

   Dr. Wolff:

   -Certo, certo. Há uma partícula aqui e outra ali (gesticula com as mãos).

   Repórter:
   - Ambas se movendo, uma em relação à outra.

   Dr. Wolff:
   - Como se vê, isso é um movimento relativo. Portanto... se você escreve essas equações, você percebe que o comprimento de onda de de Broglie aparece lá. Fiquei espantado ao descobrir que a previsão de aumento de massa de Einstein também estava lá! Todas as coisas que acontecem em velocidades relativas foram demonstradas. E pensei comigo mesmo:
   "Isso é simples demais! Acho que não descobri nada de novo!

   Repórter:
   - E do modo como o senhor fala sobre esse assunto me dá um arrepio na espinha.

   Dr. Wolff:
   - Pois, é...

   Reporter:
   - Isso por que quando o senhor fala disso comigo, penso na [possibilidade] de unificação da Teoria Quântica com a Relatividade Especial de Einstein.

   [A unificação, ou "teoria de tudo" foi perseguida por Einstein e outros. O objetivo é de compreender o comportamento da matéria nos mundos microscópico e macroscópico numa única visão]

   Dr. Wolff:
   _ Isso, Isso.

   Repórter:
   -É disso que o senhor está me falando, pois não?

   Dr. Wolff:
   - Mas isso revelou-se tão simples para mim, por que nenhum desses fragmentos de álgebra [cálculos] eram complicados.
   Então eu disse:
   - Sim... este resultado é natural. Estou certo que outros também chegaram à mesmas conclusões, pois também investigaram a teoria quântica e ondas. E eles [devem] ter seguido o mesmo caminho... [pelo menos] há trinta anos!

   Eles sempre acharam que essa abstração era apenas imaginária, nunca real. Voltei a pesquisar por mais seis meses e, aos poucos, acabei percebendo que... ninguém... jamais... se deu conta disso! Eu devia ser a única pessoa [a capturar essa idéia].

   Mas... passaram-se vários meses para eu dar conta disso. Quando entendi disse:
   -Caramba! Realmente descobri alguma coisa!

   Então, continuei a estudar e investigá-la. E, claro, o resultado disso o é esse livro:

   "Exploring the phisics of Unknown Universe"
   (Explorando a Física do Universo Desconhecido)

   O título do livro diz tudo sobre esse trabalho.

   Tradução livre da primeira parte da entrevista do Dr. Wolff:
   http://www.youtube.com/watch?v=8r5zJ...eature=related

   Origem das fórmulas de DeBroglie:
   http://hyperphysics.phy-astr.gsu.edu/hbase/HFrame.html


   Comentários
   Para quem viu todos os filmetes da série, percebe que há coincidência entre as idéias de Wolff e a teoria musical.

Encontrei no Youtube. Veja o que acontece com a combinação de ondas na tela de um osciloscópio.:



Enlace da primeira parte da entrevista:
http://www.youtube.com/watch?v=8r5zJH_2crE&feature=player_embedded


Última edição por Jonas Paulo Negreiros em 26th Junho 2016, 10:17, editado 8 vez(es) (Razão : inserção de vídeo)
avatar
Jonas Paulo Negreiros
Físico Profissional
Físico Profissional

Mensagens : 1777
Idade : 64
Localização : Jundiaí, São Paulo - Brasil

http://sbtvd.anadigi.zip.net

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Entrevista com o Dr. Milo Wolff

Mensagem por Carlos Costa em 19th Março 2012, 15:10

Jonas Paulo Negreiros escreveu:A visão do Dr. Wolff é chocante. Para ele, não existe matéria. Apenas ondas.
Interessante...

Temos algo sobre essa teoria aqui no Fórum: Teoria das ondas

Carlos Costa
Administrador

Mensagens : 2172
Idade : 34
Localização : Porto, Portugal

http://torredebabel.blogs.sapo.pt

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Entrevista com o Dr. Milo Wolff

Mensagem por Jonas Paulo Negreiros em 25th Março 2012, 10:31

Entrevista com o Dr. Milo Wolff, parte 2: Partículas ou Ondas?

Título em fundo negro:

Milo Wolff On the Wave Structure of Matter
Milo Wolff Envolve-se com a Estrutura da Matéria

Dr. Wolff:
- Nós estamos falando sobre a estrutura ondulatória da matéria.
Nos últimos 3000 anos, todo mundo vem pensando que toda a matéria é feita de algo bem pequeno... como grãos de areia... partículas, da mesma forma como pensavam os gregos [na antiguidade].

Eu imagino que a maioria dos cientistas pensam que podem fazer castelos de areia em frente ao mar. Quando você faz um castelo de areia, você começa a pensar:

"Bem, essa é a substância da qual... a matéria realmente é feita."

Dessa maneira, é muito difícil libertar-se dessas idéias. Mas, a verdade sobre a matéria que se revela nos experimentos, nas observações, aquilo que é aceito pelos cientistas é que deve existir... uma estrutura ONDULATÓRIA de matéria, SOMENTE uma estrutura ONDULATÓRIA.

Reporter:
-O que há de errado com as partículas?

Dr. Wolff:
- Simplesmente elas não se encaixam.

Reporter:
-Porquê?

Dr. Wolff:
-Elas não se encaixam através da... observação. Há uma coisa chamada de "dualidade partícula-onda". E isso é um quebra-cabeças imenso. Mas algumas vezes, uma partícula se comporta como uma onda... ou pelo menos para as pessoas que pensam que ela é uma partícula.

Todas elas [as partículas], vez ou outra, se comportam como ondas, se você tomá-las suficientemente pequenas, por que ELAS SÃO ONDAS. [como] O fóton, por exemplo.

A energia vem daqui (gesticula a mão esquerda apontando para a mão direita)... por cima disso.

Ninguém vê isso mover-se... então inventam uma partícula chamada fóton. Nunca identificada. E ela viola todas as leis da eletricidade e magnetismo... dais quais supostamente é concebida!

Este é um grande quebra-cabeças... criado pelo... modelo de movimento das partículas.

Título em fundo negro:

How does one 'Particle" Emit and Absorb another 'Particle'
Como uma "partícula" faz para emitir e absorver outra "partícula".

Ninguém explica isso. Simplesmente "acontece". Isto é ... Religião da Ciência. A natureza é como uma igreja. Se você não entende algo, você simplesmente diz: "Isso acontece". "A natureza diz que é assim." E você pára de pensar. Pára de buscar respostas.

link da segunda parte da entrevista:
http://www.youtube.com/watch?feature=player_embedded&v=ZZPJ9cVhDRg


Última edição por Jonas Paulo Negreiros em 26th Junho 2016, 10:20, editado 1 vez(es)
avatar
Jonas Paulo Negreiros
Físico Profissional
Físico Profissional

Mensagens : 1777
Idade : 64
Localização : Jundiaí, São Paulo - Brasil

http://sbtvd.anadigi.zip.net

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Entrevista com o Dr. Milo Wolff

Mensagem por Jonas Paulo Negreiros em 1st Abril 2012, 19:05

Entrevista com o Dr. Milo Wolff, parte 3: Ondas e Espaço.

Título em fundo negro:
Sobre os Físicos-Matemáticos


Dr. Wolff:
-Os físicos-matemáticos, são... APESAR DA MAIORIA [de físicos não-matemáticos, se isso é possível]... um bocado decepcionantes... por que ... eles tendem a.... pular o muro [e ir] além daquilo que a maioria enxerga.
Eles VÃO ALÉM das lições de álgebra e cálculo e... todo o resto dos cientistas se amedrontam com eles. De modo que eles geram mais especulação que todos os outros cientistas juntos.

Título em fundo negro:
Como o senhor explica a dualidade partícula-onda sem considerar as partículas?


Dr. Wolff:
-As pessoas pensam em partículas, como esferas... estruturas ondulatórias... que consistem de uma onda que vem de fora (levanta a mão direita)... combinada com... uma onda interna (gesticula e encontra com a mão esquerda).

Os matemáticos ficam muito felizes com isso, por que isso significa que há APENAS duas soluções possíveis na equação. Até aí, tudo bem. Agora a questão central disso... estruturas comportam-se tal como uma partícula.

O único problema é, muita gente não sabe o que é isso. Por que a maioria ainda não investigou isso.

Até onde sei, apenas um cara na Austrália, conhecido com Geoff Haselhurst (genro do entrevistado e repórter desse vídeo) e Milo Wolff (piada). Há ainda um pequeno grupo que agora começa a mergulhar no assunto.

Título em fundo negro:
As ondas caminham através do quê?


Dr. Wolff:
-ESPAÇO. Espaço é o... o meio dessas ondas. Espaço é uma coisa que nós... ainda conhecemos muito pouco. O espaço, suas características, sua estrutura será a pesquisa de vanguarda do futuro. Como ninguém pode vê-lo, ninguém pode capturá-lo (gesticula com o fechamento da mão direita), nós concluímos que o espaço não é coisa alguma. Nós usamos a frase "espaço vazio". Toda a lógica da... astronomia e... física nos diz que o espaço NÃO É VAZIO.
Ele é... o meio pelo qual as ondas vem de você até à mim.

[Comentário: isso, se comprovado, será a gloriosa reabilitação do ÉTER]

Título em fundo negro:
*Qual é o tamanho do Centro de Ondas?


Dr. Wolff:
- Dez elevado a 12a potência negativa (10^-12), isto é: um milionésimo de um milionésimo de um metro.

Reporter:
- Quantos centros de onda são necessários para a construção de seu corpo?

-Dr. Wolff:
-Oh, meu Deus!

Reporter:
-Grosseiramente.

Dr. Wolff:
-Grosseiramente? Em torno de ... 10 elevado à 25a potência (10^25). Um seguido de 25 zeros.


fonte:
http://www.youtube.com/watch?feature=player_embedded&v=hOHvCQlnpRo


Última edição por Jonas Paulo Negreiros em 26th Junho 2016, 10:06, editado 1 vez(es)
avatar
Jonas Paulo Negreiros
Físico Profissional
Físico Profissional

Mensagens : 1777
Idade : 64
Localização : Jundiaí, São Paulo - Brasil

http://sbtvd.anadigi.zip.net

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Entrevista com o Dr. Milo Wolff

Mensagem por Jonas Paulo Negreiros em 14th Abril 2012, 20:05

Entrevista com o Dr. Milo Wolff, parte 4: Ondas Complexas.

Título em fundo negro:
Ondas que chegam, vem de onde?
Ondas que saem, vão para onde?



Repórter:
- Como o senhor explica, no espaço concebido de seu Universo, de onde vêm tais ondas externas para onde vão as ondas internas?

Dr. Wolff:
-Bem, numa primeira aproximação, se você simplesmente considerar... um... centro de onda... e você imaginar que disso saem ondas e nisso chegam ondas... (gesticula com as mãos em forma de concha) você acaba se confundindo.

Por que você... diz:

"Poxa, ondas que saem vão embora!" (abre os braços) "e elas se perdem lá, foram para algum lugar no infinito!"

E as ondas que chegam, você imediatamente diz:

"De onde elas vieram?"

Mas, este sério engano era pensar que tudo isto estava isolado. Você precisa perceber que ... nosso universo está simplesmente inundado de... centros de ondas.

Cada átomo de hidrogênio... este lápis... (gesticula ao levantar lápis preso pela mão direita) os centros de ondas estão em toda a parte! E, tais... centros de ondas... ondas que saem... e elas... interagem com outros centros de ondas.

Então, há bateladas de ondas chegando.

Reporter:
- Então suas ondas que saem tornam-se ondas que chegam, por que uma onda é uma onda.

Não há nenhum rótulo nas ondas para que elas digam:

"Oi, eu sou uma onda que chega",
ou, então:
"Eu sou uma onda que se vai"

Isso são ondulações no espaço.

Dr. Wolff:
- Ondas que chegam... no mínimo, matematicamente... tem alguma característica diferente... de uma onda que se vai. De modo que você não pode simplesmente mudá-la de lá para cá.

Repórter:
-Sim, há somente uma referência a um centro de onda...

Dr. Wolff:
-Correto.

Repórter:
- ... uma vez que a onda flui de lá.

Dr. Wolff:
-Correto...

Repórter:
- E este centro de onda torna-se parte de uma onda que chega de outro centro de onda noutro lugar.

Dr. Wolff:
-Isso mesmo.

Título em fundo negro:
Análise Matemática das Ondas


Dr. Wolff:
-Há também outro fator... ã... o qual permanece misterioso. Neste fator essas... essas ondas são... exponenciais, vão além das ondas senoidais.

A solução dessas equações é dada por :
[exp(iwt)] e que é o mesmo que [cos(wt) + i sin(wt)]
(escreve a fórmula no ar).

Número imaginário, raiz quadrada de -1, e ã.. isso não é bastante claro para fazer isso, ou o que isso muda na... característica da onda.

link:
http://www.youtube.com/watch?feature=player_embedded&v=W0cgGroXsb0


Última edição por Jonas Paulo Negreiros em 26th Junho 2016, 10:23, editado 1 vez(es)

_________________
Gráviton, onde tu estás que não te encontro Razz ?
avatar
Jonas Paulo Negreiros
Físico Profissional
Físico Profissional

Mensagens : 1777
Idade : 64
Localização : Jundiaí, São Paulo - Brasil

http://sbtvd.anadigi.zip.net

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Entrevista com o Dr. Milo Wolff

Mensagem por Jonas Paulo Negreiros em 22nd Abril 2012, 12:03

Entrevista com o Dr. Milo Wolff, parte 5:

EINSTEIN ESTAVA NUM BECO SEM SAÍDA...

Título em Fundo Negro:
A estrutura esférica-ondulatória da matéria obviamente explica a dualidade da matéria.


Repórter:
-Bem, pelo que entendi, o senhor está dizendo que estas partículas são de fato ondas estacionárias esféricas. O efeito-partícula no centro de uma onda. Mas isto é uma explicação para a dualidade partícula-onda,

Por que isso não é tão óbvio... para todo mundo? Isso não tem sido óbvio nos últimos cem anos. Isto é uma solução óbvia... para descrever matéria no espaço.

Dr. Wolff:
- Eu penso que pessoas, são ... prisioneiras de seus hábitos. Pessoas incorporam hábitos. É muito difícil mudarem.

Reporter:
-E faz parte do hábito pensar em partículas materiais?

Dr. Wolff:
-Exatamente.

Título em Fundo Negro:
O que Einstein pensava sobre o que era a matéria?

Repórter:
- O que Einstein... pensava... sobre o que é matéria em sua Teoria Geral da Relatividade?

Dr. Wolff:
- Einstein...uma das pessoas mais incompreendidas do mundo (risos).

Reporter:
-Pois é.

Dr. Wolff:
-Todo mundo imagina Einstein ter... declarado que há... quatro dimensões e que o tempo vai para trás e para frente, e... nada disso é o modo como realmente [nós, os cientistas] enxergamos a coisa.

Não é isso. Ele pensou de forma cuidadosa e lógica, e... quase conseguiu alcançar a conclusão correta sobre... partículas.

Ele disse que eles [outros cientistas] explicaram as partículas. Ele observou que elas tem de interagir com todas outras. Você simplesmente pode dizer: "Isso acontece", "A natureza é assim". Não, ele percebeu que elas devem ser... esféricas... ter perfeita simetria, pois não existe outra simetria possível. Nós vivemos num mundo tridimensional.

Reporter:
-Então o que ele imaginava sobre partículas? O que ele pensava o que era matéria?

Dr. Wolff:
-Oh... Infelizmente... ele [Einstein] viveu sob as consequências [das idéias]... de um... um homem famoso chamado Maxwell. Maxwell... foi o homem que deduziu equações... sobre... ondas de rádio ANTES de elas existirem. Depois disso, outro cara chamado Hertz foi adiante... e descobriu ondas de rádio... Então todo mundo dizia: (gesticula agitado, entusiasmado):

-"Uau, isso é muito bom! Maxwell deve estar certo."

Repórter:
-Por que Maxwell fez uso delas? O que ele assumiu que existia?

Dr. Wolff:
-Ele assumiu que existem campos elétricos e campos magnéticos... e que esses campos por alguma razão, eles escapam das partículas... e eles estão lá. Fora de...à volta de cada partícula. Tal qual um... halo de luz. E quando outra partícula é capturada no... campo de outra partícula, elas interagem, uma em relação à outra... Mas o único problema é que tais campos não reagem nos experimentos dessa maneira. Aparentemente, NÃO HÁ ... campos elétricos e magnéticos. Eles são apenas uma ajuda... matemática. Muito útil, pois dá as respostas certas para os engenheiros... mas esses campos não são reais.

Reporter:
-Então Einstein [por não ter outra escolha] assumiu que a matéria era uma extensão do campo?

Dr. Wollf:
-Correto.

Link da quinta parte da entrevista:
http://www.youtube.com/watch?v=CDul_6PRiCs&feature=related

_________________
Gráviton, onde tu estás que não te encontro Razz ?
avatar
Jonas Paulo Negreiros
Físico Profissional
Físico Profissional

Mensagens : 1777
Idade : 64
Localização : Jundiaí, São Paulo - Brasil

http://sbtvd.anadigi.zip.net

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Entrevista com o Dr. Milo Wolff

Mensagem por Jonas Paulo Negreiros em 6th Maio 2012, 21:19

Entrevista com o Dr. Milo Wolff, parte 6: Transferências de Energia

Repórter:
-Então, quais são as diferenças entre a visão de Einstein e a sua visão sobre que é matéria... e quais são as semelhanças?

Dr. Wolff:
-Pesquisa em... transferência de energia... (das qual estamos falando... e quando estamos falando sobre... forças entre partículas.)

A pesquisa que vem sendo feita sobre uma transferência de energia é sempre demonstrada pela... mecânica quântica, a qual dá uma correta descrição [dos efeitos].

Isso é assim:... uma partícula... (gesticula fechando a mão direita e esquerda) muda para um estado de onda quântica...(por exemplo, de uma fonte de alta potência) e de alguma parte ... qualquer outra parte... outra partícula... muda seu estado EXATAMENTE no sentido oposto (gesticula e abre a mão esquerda).

Uma delas... perde uma certa quantidade de energia e a outra ganha... uma certa quantidade de energia. Exatamente. Isso é a conservação de energia.

Então, a única conclusão é que... a descrição de campos elétricos... são descrições... de um grande número de... transferências quânticas.


Repórter:
-Isso é como somar a energia de uma grande quantidade de pequenos saltos energéticos, o que, no mundo macroscópico, acaba se transformando numa transferência de energia suave e contínua?

Mas quando começamos a observar o fenômeno de muito perto, num elétron ou numa molécula, perdendo energia para outro eletron noutra parte, nós encontramos os fragmentos perdidos. Isso foi o que Max Plank fez em 1900, não é mesmo?

Dr. Wolff:
-Planck descobriu isso.

link da sexta parte da entrevista:

http://www.youtube.com/watch?v=t0z-DdH6RVQ&feature=related


Entrevista com o Dr. Milo Wolff, parte 7 (final): Fótons

Título em Fundo Negro:

O que é a energia luminosa de "Fotons" em quantidades discretas?

Dr. Milo Wolff:
- Uma única partícula, por si só... não faz muita coisa. Mas se você toma duas partículas...um próton e um elétron... lado a lado... eles LIGAM suas ondas. E suas ondas são ligadas... sob certas... REGRAS.

[Note que o Dr. Wolff começa a explicação falando em partículas (que ele diz que não existem), depois termina afirmando que acontece apenas soma de ondas.]

Ondas de eletrons formam... PADRÕES. O violinista... sabe que existem padrões dentro do corpo do violino. Então... do mesmo modo... a forma desses padrões entre partículas. O átomo de hélio é mais complexo que o hidrogênio. Ou quando você combina hidrogênio com oxigênio... você tem arranjos mais complexos. É claro, qualquer químico ou biólogo conhece esses arranjos, como são mostrados na Tabela Periódica.

[Dr. Wolff fala em ondas de eletrons, e não ondas de átomos]

Qualquer troca... numa dessas... estruturas ondulares... podem acontecer somente...se mudar de um uma estrutura ondulatória... para outra estrutura ondulatória.

A coisa não pode parar no meio do caminho. Porque as estruturas ondulares agem como... ondas numa corda. (gesticula com o indicador e traça uma onda no ar). Se você tem uma corda de violino e dá um puxão nela, ela sempre terá a mesma nota. Isso é, uma onda ajustada... é um PADRÃO!

Reporter:
-Uma determinada frequência de onda estacionária?

Dr. Wolff:
- Exato, isso que é chamado de "onda estacionária". Garotos... [gesticula tocar uma guitarra] vibram, saltando cordas para cima e para baixo. e elas tem sempre um padrão fixo. Todos os padrões de átomos e moléculas tem um padrão fixo [de vibração]. Se ocorre troca... de energia, o padrão muda... de um padrão para outro.

Reporter:
-E somente quando certo [padrão] obtido é permitido, e isso explica porque... somente certos estados de energia são permitidos.

Dr. Wolff:
Correto.

link da sétima e última parte da entrevista:
http://www.youtube.com/watch?feature=player_embedded&v=x6gJlgzHlvA


Última edição por Jonas Paulo Negreiros em 9th Abril 2016, 11:58, editado 1 vez(es)

_________________
Gráviton, onde tu estás que não te encontro Razz ?
avatar
Jonas Paulo Negreiros
Físico Profissional
Físico Profissional

Mensagens : 1777
Idade : 64
Localização : Jundiaí, São Paulo - Brasil

http://sbtvd.anadigi.zip.net

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Entrevista com o Dr. Milo Wolff

Mensagem por Jonas Paulo Negreiros em 9th Abril 2016, 11:51

Forças de van der Waals envolvem ondas, não partículas
Redação do Site Inovação Tecnológica -  18/03/2016

Partículas ou ondas

Assim como as forças gravitacionais são responsáveis pela dinâmica planetária, existem forças de atração entre os objetos em nanoescala.

São as chamadas forças de van der Waals, que estão operando por todo lado na natureza. Por exemplo, acredita-se que elas desempenhem um papel crucial na determinação da estrutura, da estabilidade e da função de uma ampla variedade de moléculas e materiais.

Contudo, a verdadeira natureza dessas interações parece ser bem diferente daquilo que os cientistas acreditavam até agora.

Alberto Ambrosetti e seus colegas da Universidade do Luxemburgo demonstraram que as forças de van der Waals têm que ser tratadas como uma interação entre ondas, e não como uma atração mútua entre partículas, como tem sido feito até agora.

mais:
http://www.inovacaotecnologica.com.br/noticias/noticia.php?artigo=forcas-van-der-waals-envolvem-ondas-nao-particulas&id=010170160318#.VwjePfNVikq

Nota:

Está na Rede uma versão traduzida da entrevista de Milo Wolff, origem dessa série:



A entrevista está em um único bloco com legendas sincronizadas em português.

_________________
Gráviton, onde tu estás que não te encontro Razz ?
avatar
Jonas Paulo Negreiros
Físico Profissional
Físico Profissional

Mensagens : 1777
Idade : 64
Localização : Jundiaí, São Paulo - Brasil

http://sbtvd.anadigi.zip.net

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Entrevista com o Dr. Milo Wolff

Mensagem por Jonas Paulo Negreiros em 26th Junho 2016, 10:26

Jonas Paulo Negreiros escreveu:Entrevista com o Dr. Milo Wolff, parte 4: Ondas Complexas.

Título em fundo negro:
Análise Matemática das Ondas


Dr. Wolff:
-Há também outro fator... ã... o qual permanece misterioso. Neste fator essas... essas ondas são... exponenciais, vão além das ondas senoidais.

A solução dessas equações é dada por :
[exp(iwt)] e que é o mesmo que [cos(wt) + i sin(wt)]
(escreve a fórmula no ar).

Número imaginário, raiz quadrada de -1, e ã.. isso não é bastante claro para fazer isso, ou o que isso muda na... característica da onda.

link:
http://www.youtube.com/watch?feature=player_embedded&v=W0cgGroXsb0

Ondas exponenciais... Alguma ligação com a expansão do universo Rolling Eyes ?

_________________
Gráviton, onde tu estás que não te encontro Razz ?
avatar
Jonas Paulo Negreiros
Físico Profissional
Físico Profissional

Mensagens : 1777
Idade : 64
Localização : Jundiaí, São Paulo - Brasil

http://sbtvd.anadigi.zip.net

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Entrevista com o Dr. Milo Wolff

Mensagem por Eliel em 3rd Julho 2016, 13:01

Grato por citarem esse meu trabalho em vídeo de reedição da entrevista com o Dr. Milo Wolff. Me esforcei em sincronizar as legendas e cuidando para melhor precisão conceitual da física, embora seja a física do que ele propôs.
Parto do princípio filosófico que nosso Universo como realidade seja um Todo Vibracional e nesse pensamento adoto os postulados e formulações propostas pelo Dr. Wolff como consequência física codificada matematicamente pela Teoria da Estrutura Ondulatória da Matéria. A "matéria" nesta teoria se encontra completamente "desmaterializada" contendo apenas estruturas que se manifestam em formas de ondas quantizadas. Faço um paralelo das ideias de Milo Wolff com a do David Bohm e a respeito do princípio de equivalência entre as massas gravitacional e inercial adoto a formulação do Fran De Aquino.
Quanto a essa frase "Gráviton, onde tu estás que não te encontro?" adoto, por enquanto a teoria do Gráviton Nexus de Stuart Magowe.
Fontes:

Gráviton Nexus pode explicar energia e matéria escuras
http://www.inovacaotecnologica.com.br/noticias/noticia.php?artigo=graviton-nexus-explicar-energia-materia-escura&id=010130150320#.V3j9hRIe1yE

Professor Fran De Aquino's Webpage
http://www.frandeaquino.org/

Att.:
Eliel.


Eliel
Iniciante
Iniciante

Mensagens : 2

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Entrevista com o Dr. Milo Wolff

Mensagem por Jonas Paulo Negreiros em 3rd Julho 2016, 14:14

Obrigado, Eliel, por atender ao nosso convite!
Vou dar uma olhada nas suas recomendações, depois comentarei.

_________________
Gráviton, onde tu estás que não te encontro Razz ?
avatar
Jonas Paulo Negreiros
Físico Profissional
Físico Profissional

Mensagens : 1777
Idade : 64
Localização : Jundiaí, São Paulo - Brasil

http://sbtvd.anadigi.zip.net

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Entrevista com o Dr. Milo Wolff

Mensagem por NGC346 em 13th Outubro 2016, 15:14

Considerando os resultados das experiências feitas por Thomas Young, difração da Luz, Clinton Davisson e Lester Germer, difração de um feixe de elétrons, e John Thomson, medida comparativa entre massa e carga do elétron e efeito fotoelétrico, considero que a luz é formada por partículas que possuem massa e movimento ondulatório. Considero também que tudo o que existe é formado por partículas que possuem massa e movimento ondulatório.

NGC346
Membro Regular
Membro Regular

Mensagens : 86

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Entrevista com o Dr. Milo Wolff

Mensagem por Conteúdo patrocinado


Conteúdo patrocinado


Voltar ao Topo Ir em baixo

Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Voltar ao Topo


Permissão deste fórum:
Você não pode responder aos tópicos neste fórum