Física2100
Olá visitante!

Por favor, faça login ou crie uma conta se ainda não estiver registado.

O Paradoxo dos Gémeos

Página 1 de 2 1, 2  Seguinte

Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Ir em baixo

O Paradoxo dos Gémeos

Mensagem por Carlos Costa em 13th Novembro 2007, 23:42

Pessoal, qual é a vossa opinião sobre o paradoxo dos gémeos, que a Relatividade provoca?

Carlos Costa
Administrador

Mensagens : 2172
Idade : 34
Localização : Porto, Portugal

http://torredebabel.blogs.sapo.pt

Voltar ao Topo Ir em baixo

Fisica moderna...

Mensagem por Douro em 14th Janeiro 2008, 23:02

O paradoxo dos gémeos não é bem paradoxo (é física), já foi provado com dois relógios atómicos sincronizados ao inicio e um avião Mac3. Um dos relógios ficou em terra e o outro foi metido a bordo do avião numa viagem a velocidades 3 vezes superiores a do som... quando aterrou o relógio do avião estava atrasado em relação ao que ficou em terra. Isto deve-se ao factor de dilatação do tempo que também condiciona um aumento da massa da matéria a medida que a velocidade se aproxima da velocidade da luz. Como as velocidades a que nos movemos são muito baixas este efeito não é perceptível ao senso comum, mas faz todo o sentido. Assim fiquem com a ideia de que a medida que aceleram algo, estão a 'fazer com que o tempo para esse objecto passe mais de vagar' e a aumentar a sua massa.

Douro
Iniciante
Iniciante

Mensagens : 31

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: O Paradoxo dos Gémeos

Mensagem por Carlos Costa em 14th Janeiro 2008, 23:50

Douro escreveu:O paradoxo dos gémeos não é bem paradoxo (é física), já foi provado com dois relógios atómicos sincronizados ao inicio e um avião Mac3. Um dos relógios ficou em terra e o outro foi metido a bordo do avião numa viagem a velocidades 3 vezes superiores a do som... quando aterrou o relógio do avião estava atrasado em relação ao que ficou em terra. Isto deve-se ao factor de dilatação do tempo que também condiciona um aumento da massa da matéria a medida que a velocidade se aproxima da velocidade da luz. Como as velocidades a que nos movemos são muito baixas este efeito não é perceptível ao senso comum, mas faz todo o sentido. Assim fiquem com a ideia de que a medida que aceleram algo, estão a 'fazer com que o tempo para esse objecto passe mais de vagar' e a aumentar a sua massa.
Bem dito, Douro. Smile

Como disseste não é bem paradoxo. É uma coisa natural para velocidades perto de c. Só é paradoxo para nós, porque as velocidades a que nos movemos são demasiado baixas, quando comparadas com c.

Carlos Costa
Administrador

Mensagens : 2172
Idade : 34
Localização : Porto, Portugal

http://torredebabel.blogs.sapo.pt

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: O Paradoxo dos Gémeos

Mensagem por tig em 15th Janeiro 2008, 08:53

Agora fiquei curioso com uma coisa... se ao aumentar a velocidade o tempo para esse objecto diminui será que chegando a c o tempo apra esse objecto pára? Será isso o porque de não se conseguir ultrapassar a velocidade de c??
avatar
tig
Membro Ativo
Membro Ativo

Mensagens : 325
Idade : 32

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: O Paradoxo dos Gémeos

Mensagem por Carlos Costa em 15th Janeiro 2008, 18:58

tig escreveu:Agora fiquei curioso com uma coisa... se ao aumentar a velocidade o tempo para esse objecto diminui será que chegando a c o tempo apra esse objecto pára? Será isso o porque de não se conseguir ultrapassar a velocidade de c??
Sim Tig, isso também é uma das razões. Os fotões, por exemplo, não têm tempo "pessoal" porque se movem a c. Qualquer objecto que se mova a c pelo espaço fica parado no tempo, tal como qualquer objecto que esteja parado no espaço, move-se a c pelo tempo!

Carlos Costa
Administrador

Mensagens : 2172
Idade : 34
Localização : Porto, Portugal

http://torredebabel.blogs.sapo.pt

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: O Paradoxo dos Gémeos

Mensagem por tig em 15th Janeiro 2008, 19:02

Então o segredo é estarmos parados no espaço para andarmos a velocidade da luz... Razz heheeh
avatar
tig
Membro Ativo
Membro Ativo

Mensagens : 325
Idade : 32

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: O Paradoxo dos Gémeos

Mensagem por Carlos Costa em 15th Janeiro 2008, 19:10

tig escreveu:Então o segredo é estarmos parados no espaço para andarmos a velocidade da luz... Razz heheeh
Lol, isso mesmo. Mas andar à velocidade na luz no tempo é chato, porque envelheces mais rápido Smile . É melhor andar à velocidade da luz pelo espaço.

Deixo aqui também a saber que atingir c é impossível. Normalmente atinge-se 99,9999% da velocidade da luz (nunca chega a 100%) e que a velocidade da luz é de 299.792,458 km/s.

Carlos Costa
Administrador

Mensagens : 2172
Idade : 34
Localização : Porto, Portugal

http://torredebabel.blogs.sapo.pt

Voltar ao Topo Ir em baixo

Impossibilidades para atingir c

Mensagem por Douro em 15th Janeiro 2008, 19:40

Teoricamente, como bem dito anteriormente, quando um corpo atingisse a velocidade da luz, o tempo deixaria de passar para ele, assim podia deslocar-se de uma ponta do universo para outra sem que o tempo passasse para ele. Basicamente acelerava e para ele, de repente já estava na outra ponta do universo. Ou seja quando se atinge c o espaço reduzir-se-ia a um ponto. Mas é impossível chegar a tal velocidade mais porque à medida que nos aproximamos de c os corpos vão ganhando massa, e em c um corpo teria massa infinita, o que é impossível. Logo é impossível atingir c.

Douro
Iniciante
Iniciante

Mensagens : 31

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: O Paradoxo dos Gémeos

Mensagem por tig em 16th Janeiro 2008, 13:16

Douro escreveu:Teoricamente, como bem dito anteriormente, quando um corpo atingisse a velocidade da luz, o tempo deixaria de passar para ele, assim podia deslocar-se de uma ponta do universo para outra sem que o tempo passasse para ele. Basicamente acelerava e para ele, de repente já estava na outra ponta do universo. Ou seja quando se atinge c o espaço reduzir-se-ia a um ponto. Mas é impossível chegar a tal velocidade mais porque à medida que nos aproximamos de c os corpos vão ganhando massa, e em c um corpo teria massa infinita, o que é impossível. Logo é impossível atingir c.

Então e se conseguissemos transformar o corpo em fotões??? Wink
avatar
tig
Membro Ativo
Membro Ativo

Mensagens : 325
Idade : 32

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: O Paradoxo dos Gémeos

Mensagem por Carlos Costa em 16th Janeiro 2008, 17:08

tig escreveu:
Douro escreveu:Teoricamente, como bem dito anteriormente, quando um corpo atingisse a velocidade da luz, o tempo deixaria de passar para ele, assim podia deslocar-se de uma ponta do universo para outra sem que o tempo passasse para ele. Basicamente acelerava e para ele, de repente já estava na outra ponta do universo. Ou seja quando se atinge c o espaço reduzir-se-ia a um ponto. Mas é impossível chegar a tal velocidade mais porque à medida que nos aproximamos de c os corpos vão ganhando massa, e em c um corpo teria massa infinita, o que é impossível. Logo é impossível atingir c.

Então e se conseguissemos transformar o corpo em fotões??? Wink
Isso é impossível porque os corpos são formados por Fermiões, enquanto que os fotões são Bosões.

Carlos Costa
Administrador

Mensagens : 2172
Idade : 34
Localização : Porto, Portugal

http://torredebabel.blogs.sapo.pt

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: O Paradoxo dos Gémeos

Mensagem por Douro em 16th Janeiro 2008, 21:02

Carlos Costa escreveu:
tig escreveu:
Douro escreveu:Teoricamente, como bem dito anteriormente, quando um corpo atingisse a velocidade da luz, o tempo deixaria de passar para ele, assim podia deslocar-se de uma ponta do universo para outra sem que o tempo passasse para ele. Basicamente acelerava e para ele, de repente já estava na outra ponta do universo. Ou seja quando se atinge c o espaço reduzir-se-ia a um ponto. Mas é impossível chegar a tal velocidade mais porque à medida que nos aproximamos de c os corpos vão ganhando massa, e em c um corpo teria massa infinita, o que é impossível. Logo é impossível atingir c.

Então e se conseguissemos transformar o corpo em fotões??? Wink
Isso é impossível porque os corpos são formados por Fermiões, enquanto que os fotões são Bosões.
Bem segundo Einstein (E=mc^2) não é impossível transformar massa em energia (ou vice-versa), pelo contrario, acontece com muita frequência e as duas são na realidade uma só coisa, em qualquer reacção nuclear há massa que se transforma em energia de ligação. Um dos problemas numa possível transformação é a quantidade de energia que se produziria. Um copo de água daria energia para sustentar electricamente uma cidade como Londres uma semana. Então imagina o que aconteceria transformando algo maior. Outro é que a energia dissipar-se-ia, e seria muito difícil voltar a pegar em cada pedaço passa-lo de novo a massa. No entanto é teoricamente possível. Quanto a Bosões e Fermiões isso é só uma designação para distinguir partículas com spin inteiro e fraccionário.

Douro
Iniciante
Iniciante

Mensagens : 31

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: O Paradoxo dos Gémeos

Mensagem por Myself em 17th Janeiro 2008, 00:50

Carlos Costa escreveu:
tig escreveu:Agora fiquei curioso com uma coisa... se ao aumentar a velocidade o tempo para esse objecto diminui será que chegando a c o tempo apra esse objecto pára? Será isso o porque de não se conseguir ultrapassar a velocidade de c??
Sim Tig, isso também é uma das razões. Os fotões, por exemplo, não têm tempo "pessoal" porque se movem a c. Qualquer objecto que se mova a c pelo espaço fica parado no tempo, tal como qualquer objecto que esteja parado no espaço, move-se a c pelo tempo!

Os fotões apenas se movem à velocidade da luz (daí não ter esse "tempo pessoal") porque não possuem massa, se possuissem iso não acontecia. Um fotão pode-se dizer que existe e não existe ao mesmo tempo, tem inicio, meio e fim no mesmo instante, apenas depende do observador, por exemplo, se "colocarmos" um fotão numa caixa, a dividirmos ao meio, e afastarmos as duas partes à distância que quisermos, olhando para dentro delas vamos observar que o fotão se encontra nas duas... Quase que se pode afirmar que os fotões estão onde nós quisermos tongue .

Myself
Iniciante
Iniciante

Mensagens : 7

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: O Paradoxo dos Gémeos

Mensagem por Douro em 17th Janeiro 2008, 18:27

Myself escreveu:
Carlos Costa escreveu:
tig escreveu:Agora fiquei curioso com uma coisa... se ao aumentar a velocidade o tempo para esse objecto diminui será que chegando a c o tempo apra esse objecto pára? Será isso o porque de não se conseguir ultrapassar a velocidade de c??
Sim Tig, isso também é uma das razões. Os fotões, por exemplo, não têm tempo "pessoal" porque se movem a c. Qualquer objecto que se mova a c pelo espaço fica parado no tempo, tal como qualquer objecto que esteja parado no espaço, move-se a c pelo tempo!

Os fotões apenas se movem à velocidade da luz (daí não ter esse "tempo pessoal") porque não possuem massa, se possuissem iso não acontecia. Um fotão pode-se dizer que existe e não existe ao mesmo tempo, tem inicio, meio e fim no mesmo instante, apenas depende do observador, por exemplo, se "colocarmos" um fotão numa caixa, a dividirmos ao meio, e afastarmos as duas partes à distância que quisermos, olhando para dentro delas vamos observar que o fotão se encontra nas duas... Quase que se pode afirmar que os fotões estão onde nós quisermos tongue .
Já que se esta a falar muito em tempo relativista deixo uma breve nota. Aquilo a que estamos habituados é a ter o tempo como absoluto, deixem-se dessa ideia, acho que já ficou claro que dois objectos podem ter tempos diferentes, assim sendo tenham em conta qual é a vossa posição (ou seja em qual dos tempos estão inseridos). Se virmos o Universo na perspectiva de um fotão ele é simplesmente um ponto, como o fotão não "perde tempo" em deslocações e o nosso tempo para ele não conta, teoricamente pode estar em todo o lado a qualquer momento. Se virmos isso da perspectiva do nosso tempo já não é bem assim, aqui o fotão é uma entidade mais ou menos bem definida. O facto de o universo ser um ponto, tão grande quanto o fotão (para ele) condiciona o facto de se poder deslocar em todo o Universo, sem perder energia (na realidade dele, simplesmente está parado).

Douro
Iniciante
Iniciante

Mensagens : 31

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: O Paradoxo dos Gémeos

Mensagem por Carlos Costa em 18th Janeiro 2008, 16:40

Mas como sabes o tecido do espaço-tempo expande-se mais rapidamente que a velocidade de um fotão (c), e por isso essa questão seja ainda mais profunda.

A diferença de idades dos gémeos (segunda a hipotética experiência é estranha) mas creio que o universo, como "palco" da experiência universal, não seja afectado, no essencial, por a relatividade. É o sistema maior e global...

Carlos Costa
Administrador

Mensagens : 2172
Idade : 34
Localização : Porto, Portugal

http://torredebabel.blogs.sapo.pt

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: O Paradoxo dos Gémeos

Mensagem por Neutrao em 18th Janeiro 2008, 21:47

Carlos Costa escreveu:Mas como sabes o tecido do espaço-tempo expande-se mais rapidamente que a velocidade de um fotão (c), e por isso essa questão seja ainda mais profunda.

A diferença de idades dos gémeos (segunda a hipotética experiência é estranha) mas creio que o universo, como "palco" da experiência universal, não seja afectado, no essencial, por a relatividade. É o sistema maior e global...

Se bem percebi o que tu quises te dizer e que o espaço-tempo e absoluto e nao relativo. Sim isso e verdade o estaço-tempo e absoluto. Isto foi provado pelo astronomo holandes De Sitter que criou um modelo cosmologico que satisfaz as equaçoes da relatividade geral e que monstra que a estrutura espaço-tempo e absoluta.

Neutrao
Iniciante
Iniciante

Mensagens : 33

http://www.newtein.blogueiros.net

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: O Paradoxo dos Gémeos

Mensagem por Douro em 20th Janeiro 2008, 02:00

Carlos Costa escreveu:Mas como sabes o tecido do espaço-tempo expande-se mais rapidamente que a velocidade de um fotão (c), e por isso essa questão seja ainda mais profunda.

A diferença de idades dos gémeos (segunda a hipotética experiência é estranha) mas creio que o universo, como "palco" da experiência universal, não seja afectado, no essencial, por a relatividade. É o sistema maior e global...
Sim a tua ideia está correcta. O universo como um todo não é afectado pela relatividade, mas sim tudo o que nele se encontra contido, dependentemente da sua velocidade. O sistema Universo é tido como absoluto, e funciona como escala para medir as dilatações de tempo que um objecto sofre ao ser acelerado. O relativo a que eu me referia, tinha-nos em consideração a nos, pois como parte do Universo somos afectados pela relatividade e pelo tempo, mas eu posso ser afectado de forma diferente que outra pessoa/objecto, dependendo das nossas velocidades. Assim quando falamos de fotões e os inserimos no "nosso mundo" devemos ter em conta que para cada um de nos o tempo se comporta de maneira diferente.

Douro
Iniciante
Iniciante

Mensagens : 31

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: O Paradoxo dos Gémeos

Mensagem por biduim em 28th Abril 2008, 04:01

pelo vejo as pessoas não compreendem como funciona um acelerador de particulas

biduim
Iniciante
Iniciante

Mensagens : 1

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: O Paradoxo dos Gémeos

Mensagem por Safra em 29th Abril 2008, 00:21

biduim escreveu:pelo vejo as pessoas não compreendem como funciona um acelerador de particulas
O que não é correto afirmar sobre o que foi desenvolvido, no qual você inferiu estar errado ? Shocked
avatar
Safra
Membro Ativo
Membro Ativo

Mensagens : 494
Idade : 27
Localização : São Paulo

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: O Paradoxo dos Gémeos

Mensagem por Newtein em 13th Agosto 2008, 00:55

Carlos Costa escreveu:Mas como sabes o tecido do espaço-tempo expande-se mais rapidamente que a velocidade de um fotão (c), e por isso essa questão seja ainda mais profunda.

Nao percebi muito bem o que voçe queria dizer. Mas a expanção do tecido espaço-tempo nao e um movimento como nos estamos habituados e nao viola a velociadade da luz como limite de velocidade
avatar
Newtein
Membro Ativo
Membro Ativo

Mensagens : 401
Idade : 25
Localização : Barcelos

http://aventurasdafisica.blogs.sapo.pt

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: O Paradoxo dos Gémeos

Mensagem por Carlos Costa em 13th Agosto 2008, 15:59

A matéria e energia no universo não pode ultrapassar c.
Mas o tecido do espaço-tempo move-me a uma velocidade superior. A lei que nada se move mais rápido do que a velocidade da luz não se aplica ao próprio espaço-tempo. Wink

Carlos Costa
Administrador

Mensagens : 2172
Idade : 34
Localização : Porto, Portugal

http://torredebabel.blogs.sapo.pt

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: O Paradoxo dos Gémeos

Mensagem por Conteúdo patrocinado


Conteúdo patrocinado


Voltar ao Topo Ir em baixo

Página 1 de 2 1, 2  Seguinte

Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Voltar ao Topo


Permissão deste fórum:
Você não pode responder aos tópicos neste fórum