Física2100
Olá visitante!

Por favor, faça login ou crie uma conta se ainda não estiver registado.

O «problema do papel de parede» foi resolvido através das leis da física

Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Ir em baixo

O «problema do papel de parede» foi resolvido através das leis da física

Mensagem por Carlos Costa em 1st Abril 2008, 17:27


Pedro Reis demonstra efeito-triângulo em fita-cola

Papel de parede, fita-cola, película. O dilema é sempre o mesmo quando se precisa de utilizar um material adesivo fino. Mesmo que alguns pedaços saiam bem à primeira, toda a gente já perdeu alguns minutos a tentar cortar uma tira direita quando a ponta fica com uma forma triangular. Uma equipa de investigadores do Centro Nacional de Investigação Científica (CNRS), em França, da Universidade de Santiago, no Chile e do MIT, descobriu que, por trás desse motivo de frustração do dia-a-dia, estão apenas as leis da física. O estudo foi publicado esta semana na revista científica "Nature Materials".


Pedro Reis

A investigação, liderada por Pedro Reis, professor do Departamento de Matemática do MIT, resolve o chamado "problema do papel de parede", um conhecido padrão em que os dois lados de uma tira adesiva se propagam um na direcção do outro até se encontrarem num ponto. Segundo o investigador, este problema aplica-se na prática não só ao papel de parede, e a outros adesivos finos como a fita-cola e a película plástico utilizada para embrulhar as capas do CDs, mas também à pele do tomate, da uva ou da ameixa .

"Já aconteceu com toda a gente. É frustrante", disse ao Ciência Hoje Pedro Reis. "Este projecto insere-se numa actividade mais ampla que estou a desenvolver com os meus colaboradores sobre a deformação de objectos elásticos finos. O facto de serem finos complica extremamente a física envolvida", acrescentou o investigador.

Rigidez energia de adesão e energia de fractura

A equipa descobriu que a forma triangular, obtida quando os pedaços de adesivos são fracturados e descolados de um substrato rígido, por exemplo de um rolo, resulta de uma interacção entre três propriedades inerentes aos materiais adesivos: elasticidade (ou rigidez), energia de adesão (a força com que o adesivo cola à superfície) e energia de fractura (a força com que é arrancado/rasgado).

"Através das nossas experiências e teoria conseguimos encontrar a relação entre o ângulo do pedaço triangular obtido com as três propriedades do material. Claro está que, apesar de cada uma destas propriedades ter já sido muito bem estudada individualmente, a forma como relacionamos as três é totalmente nova", salientou Pedro Reis.

A forma triangular era coerente, por isso tinha de haver algo fundamental que lhe desse origem. É assim que o investigador explica o que deu origem ao curioso estudo sobre uma dificuldade do dia-a-dia. "Apesar de ser um problema muito interessante do ponto de vista fundamental, chamou-nos também à atenção o facto de o encontrarmos regularmente na vida quotidiana", explica.

Mas para além de ajudar a perceber o porquê da "frustração de rasgar um pedaço de fita-cola", adianta Pedro Reis, a técnica desenvolvida pode ser utilizada para, em engenharia dos materiais, descobrir a terceira propriedade do adesivo quando se sabe as outras duas. Segundo o investigador, a utilidade desta descoberta ainda é maior porque se aplica a materiais finos, junto dos quais os métodos tradicionais da física dos materiais de medição das propriedades falham.

Física e vida quotidiana

"A nossa teoria aplica-se a materiais finos, elásticos e isotrópicos. Percebendo de onde vem a física, poderão introduzir-se anisotropias para eliminar este efeito-triângulo", projectou Pedro Reis. "Estes estudos, apesar de terem como motivação inicial a investigação fundamental, podem ter um impacto tecnológico importante".

Outro objectivo importante, assinalou o responsável, é a divulgação científica que se consegue quando o público é capaz de estabelecer uma ligação entre os fenómenos da física e a vida quotidiana. Segundo Pedro Reis, se um jovem perceber que ainda há muitos fenómenos para os quais ainda não há explicações a motivação para a ciência vai ser muito maior. "O entusiasmar jovens e estudantes para estudar as ciências fundamentais é uma das missões cruciais de qualquer cientista", frisou.

As formas triangulares estudadas pelos cientistas podem ser vistas no trabalho do artista plástico francês Jacques Villeglé, que consiste em trabalhar posters das ruas de Paris e outras cidades francesas com colagens de tiras iguais às analisadas neste estudo. Um dos posters foi utilizado na capa da "Nature Materials" para ilustrar a investigação.


Última edição por Carlos Costa em 25th Outubro 2010, 13:15, editado 1 vez(es)

Carlos Costa
Administrador

Mensagens : 2172
Idade : 33
Localização : Porto, Portugal

http://torredebabel.blogs.sapo.pt

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: O «problema do papel de parede» foi resolvido através das leis da física

Mensagem por Newtein em 27th Agosto 2008, 15:55

Intereçante como a fisica serve para explicar coisas simples do dia-a-dia e que muitas vezes nem damos importancia...

_________________
Que mensagem nos envia a natureza? Qual dos nossos preceitos, que erigimos de forma demasiado fácil em certezas, é preciso pôr em causa? -Albert Einstein

Novo blog:http://aventurasdafisica.blogs.sapo.pt
avatar
Newtein
Membro Ativo
Membro Ativo

Mensagens : 401
Idade : 25
Localização : Barcelos

http://aventurasdafisica.blogs.sapo.pt

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: O «problema do papel de parede» foi resolvido através das leis da física

Mensagem por G. Grivott em 4th Setembro 2008, 18:13

Muito interessante a investigação do pesquisador Pedro Reis. Seu trabalho proporcionará certamente um "impacto tecnológico muito grande."
Mas, indentemente da Física ser uma ciência experimental, ela tem um papel social muito importante. Ao dirigir qualquer esforço em detrimento de uma pesquisa, o caráter social, deve estar presente. O grande cientista de todos os tempos, Albert Einstein, talvez tenha sido a pessoa que mais levou este princípio adiante.
O que diferencia os estudantes de física é que eles conseguem perceber a importancia dos esforços científicos em função de uma sociedade mais equilibrada.

_________________
G. Grivott
http://grivott.blogspot.com/
avatar
G. Grivott
Membro Regular
Membro Regular

Mensagens : 170
Idade : 40
Localização : Santa Maria - RS - Brasil

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: O «problema do papel de parede» foi resolvido através das leis da física

Mensagem por PedroM10 em 9th Setembro 2008, 22:55

Newtein escreveu:Intereçante como a fisica serve para explicar coisas simples do dia-a-dia e que muitas vezes nem damos importancia...

Não damos importância? Eu pelo menos dou importância e de que maneira, as vezes que eu me "passei dos carretos" com o raio da fita cola quando aconteciam situações destas comigo lol!

PedroM10
Iniciante
Iniciante

Mensagens : 36

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: O «problema do papel de parede» foi resolvido através das leis da física

Mensagem por Newtein em 9th Setembro 2008, 23:19

Sim nao ja alguma vez te perguntas te porque que aquilo acontecia?

_________________
Que mensagem nos envia a natureza? Qual dos nossos preceitos, que erigimos de forma demasiado fácil em certezas, é preciso pôr em causa? -Albert Einstein

Novo blog:http://aventurasdafisica.blogs.sapo.pt
avatar
Newtein
Membro Ativo
Membro Ativo

Mensagens : 401
Idade : 25
Localização : Barcelos

http://aventurasdafisica.blogs.sapo.pt

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: O «problema do papel de parede» foi resolvido através das leis da física

Mensagem por PedroM10 em 9th Setembro 2008, 23:30

Newtein escreveu:Sim nao ja alguma vez te perguntas te porque que aquilo acontecia?

Neste aspecto é que eu admiro a Física, pois eu nunca sequer me tinha perguntado porque aquilo acontecia. É daquelas coisas que só os físicos podem responder, é como aquela pergunta do género :"Porque é que quando estou a tomar banho, a cortina do banho teima em se colar aos meus pés??"

Ehehehe..

Subida do ar aquecido pela água, redução de pressão na zona inferior da banheira (onde estão os pés e onde a cortina se cola aos pés) e consequente supremacia da maior pressão do lado de fora da cortina, obrigando a cortina a juntar-se e ficar colada às nossas pernas (pois estão molhadas, caso contrário não ficavam assim coladas)

É daquelas coisas que ninguém se pergunta, mas que a Física responde :lol: :lol:

PedroM10
Iniciante
Iniciante

Mensagens : 36

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: O «problema do papel de parede» foi resolvido através das leis da física

Mensagem por G. Grivott em 10th Setembro 2008, 03:15

PedroM10 escreveu:
Newtein escreveu:Sim nao ja alguma vez te perguntas te porque que aquilo acontecia?

É daquelas coisas que ninguém se pergunta, mas que a Física responde :lol: :lol:

Exatamente isto. A ciência responde aquilo que ninguém pergunta, mas que de certa forma todos observam que acontece.

_________________
G. Grivott
http://grivott.blogspot.com/
avatar
G. Grivott
Membro Regular
Membro Regular

Mensagens : 170
Idade : 40
Localização : Santa Maria - RS - Brasil

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: O «problema do papel de parede» foi resolvido através das leis da física

Mensagem por Newtein em 10th Setembro 2008, 15:57

PedroM10 escreveu:
Newtein escreveu:Sim nao ja alguma vez te perguntas te porque que aquilo acontecia?

Neste aspecto é que eu admiro a Física, pois eu nunca sequer me tinha perguntado porque aquilo acontecia. É daquelas coisas que só os físicos podem responder, é como aquela pergunta do género :"Porque é que quando estou a tomar banho, a cortina do banho teima em se colar aos meus pés??"

Ehehehe..

Subida do ar aquecido pela água, redução de pressão na zona inferior da banheira (onde estão os pés e onde a cortina se cola aos pés) e consequente supremacia da maior pressão do lado de fora da cortina, obrigando a cortina a juntar-se e ficar colada às nossas pernas (pois estão molhadas, caso contrário não ficavam assim coladas)

É daquelas coisas que ninguém se pergunta, mas que a Física responde :lol: :lol:

Exactamente o que eu queria dizer com "coisas que nao damos importancia

_________________
Que mensagem nos envia a natureza? Qual dos nossos preceitos, que erigimos de forma demasiado fácil em certezas, é preciso pôr em causa? -Albert Einstein

Novo blog:http://aventurasdafisica.blogs.sapo.pt
avatar
Newtein
Membro Ativo
Membro Ativo

Mensagens : 401
Idade : 25
Localização : Barcelos

http://aventurasdafisica.blogs.sapo.pt

Voltar ao Topo Ir em baixo

Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Voltar ao Topo


Permissão deste fórum:
Você não pode responder aos tópicos neste fórum