Física2100
Olá visitante!

Por favor, faça login ou crie uma conta se ainda não estiver registado.

Energia Escura como efeito do campo Gravitacional

Página 5 de 7 Anterior  1, 2, 3, 4, 5, 6, 7  Seguinte

Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Ir em baixo

Re: Energia Escura como efeito do campo Gravitacional

Mensagem por jocax em 3rd Setembro 2013, 17:37

Robson escreveu:

"O fato Jocax, é que a minha visão das coisas é diferente da sua (e do modelo padrão). Já dizer quem está errado (ou menos errado) é algo que está reservado para os físicos do futuro (lembre-se da historicidade)...."

Robson , no existe este futuro que vc diz que as coisas poderao ser PROVADAS
como sendo realidade !!
Isso NUNCA vai acontecer simplesmente pq NAO se pode provar praticamente nada sobre
a realidade. Veja o Principio filosofico da incerteza:

"...Desde o advento da “Ciência Expandida” [2] sabemos que é impossível até mesmo refutar uma teoria como pensava Popper. Então tudo indicava para uma visão mais abrangente e menos incerta do universo, tal incerteza deve abranger nossas observações. Baseado nestas conclusões eu irei propor um princípio, que eu chamei de “Princípio da Incerteza Filosófico”, ou simplesmente PIF, que estabelece o seguinte:

“É impossível saber se alguma observação, medida, ou percepção, corresponde de fato à realidade”...."

http://www.genismo.com/logicatexto31.htm

Assim jamais poderemos provar q qqr teoria seja DE FATO verdadeira,e devemos tomar
as teorias mais aceitas pelos cientista como sendo verdadadeiras ateh provam em contrario.

Por exemplo, da mesma forma q vc me diz, eu poderia te dizer que a terra eh CHATA ,
plana mesmo, sustentada por 4 tartarugas gigantes , como diziam os antigos e que
as provas atuais de q eh redonda eh feita atraves de
uma MATRIX em que os nossos cerebros estao plugados emulando um universo irreal.

Vc pode provar que vc nao esta numa matrix dese tipo?

Por isso repito nossas discussoes devem se basear nas teorias mais aceitas
pela fisica moderna do contrario nao ha discussao cada um diz q esta certo e nao se sai do lugar.


---------------
Eu disse : "o foton mesmo nao tendo massa nem por isso deixa de ter momento"

Vc disse: "E como algo sem massa poderia ter momento?"

Como disse antes o momento do foton eh constatado experimentalmente
e sua ausencia de massa tambem.

Existe o conceito de "massa relativistica" que eh *massa aparente*
do objeto em velocidade.

==== Hype Scienece:
Na matéria sobre a equação completa de Einstein, apontamos que o momento é definido como sendo o produto da massa pela velocidade, conforme definido por Isaac Newton, séculos atrás.
Mas se o fóton tem massa de repouso zero, como ele pode ter momento? Existem várias maneiras de responder esta pergunta. A mais simples delas é relacionando a equação de Einstein com a relação de De Broglie. As duas equações ajudam a determinar a energia de uma partícula, e podem explicar o momento de um fóton. Veja:


Você conhece por inteiro a mais famosa equação de Einstein?

Teoria da Relatividade

A teoria da relatividade especial, apresentada em 1905, apresenta uma equação para a energia relativística de uma partícula:

E² = (m0.c²)² + (p.c)²

onde “m0? é a massa em repouso da partícula, “c” a velocidade da luz, e “p” o momento. É a forma mais completa da famosa equação de Einstein.

O que é a Teoria Especial da Relatividade de Einstein?

No caso do fóton, **** a massa em repouso é zero **** .
Como vimos, a equação da energia torna-se E = p.c. Einstein também introduziu o conceito de massa relativística (e a equivalência massa-energia) no mesmo trabalho em que apresentou a teoria da relatividade especial. Podemos escrever então:

m.c² = p.c

Neste caso, “m” é a massa relativística, portanto

m = p/c

Em outras palavras, um fóton tem uma massa relativística, que é proporcional ao seu momento.

Relação de De Broglie

A relação de De Broglie surge da teoria quântica, especificamente da dualidade entre onda e partícula, e estabelece que

? = h/p

onde “?” (lambda) é o comprimento de onda, “h” é a constante de Planck, e “p” o momento. Daí temos que

p = h/?

relacionando o comprimento de onda e o momento da partícula. Combinando os dois, o resultado é

m = E/c² = h/?c

Não podemos esquecer que a massa “m” é a massa relativística.
Com isto, chegamos à conclusão que os fótons tem uma “massa” que é inversamente proporcional ao seu comprimento de onda.
====

http://hypescience.com/se-fotons-nao-tem-massa-como-podem-ter-momento/

--------------

Com relacao a evaporacao do buraco negro, eu ja expliquei q
a massa eh perdida pela EJECAO de uma particula criada AS CUSTAS da
energia potencial gravitacional. A particula eh emitida aos pares e uma delas entra
e a outra sai diminuindo assim a massa do BN e concomitantemente sua energia potencial.
[]s
Jx


jocax
Membro Regular
Membro Regular

Mensagens : 150

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Energia Escura como efeito do campo Gravitacional

Mensagem por Robson Z. Conti em 4th Setembro 2013, 14:19

[1] Citar-se como fundamento de suas próprias teses garante que suas teses são coerentes entre si. Nada mais.
[2] Citar teorias que estão sendo questionadas em um debate, mesmo que afamadas na época das discussões, como forma de sustentar a própria posição neste debate é o mesmo que citar escrituras sagradas para convencer céticos.
[3] As observações devem ser o fiel da balança e não as mais afamadas teses de cada época (lembre-se do flogisto e o Ptolomeu).
[4] Não podemos provar que não estamos em uma matrix. E nem que estamos. Logo, assunto encerrado, isto não faz parte da Ciência.
[5] Em relação à sua tese da “Energia Escura ser efeito do campo Gravitacional”, na minha humilde opinião a energia escura, responsável pela expansão cósmica, é resultante, em termos primários, dos jatos polares de uma imensa célula cósmica...
http://commons.wikimedia.org/wiki/File:UniversoSustentavelFluxoEnergiaEscura.png
http://commons.wikimedia.org/wiki/File:UniversosParalelosFonteEmaranhados.png
...os quais emanariam em região atualmente denomindada de fluxo escuro (dark flow) e secundariamente pelos jatos polares de buracos negros e outras estruturas...
http://www.nasa.gov/centers/goddard/images/content/96552main_jet_schematic.jpe
http://www.nasa.gov/images/content/153309main_hidden_blackhole_lg.jpg
http://www.nasa.gov/images/content/498884main_DF3_Fermi_bubble_art_labels.jpg
http://www.inovacaotecnologica.com.br/noticias/imagens/010130120602-bolha-via-lactea.jpg
http://csep10.phys.utk.edu/astr162/lect/active/ngc4261-large.jpg
http://www.if.ufrgs.br/oei/cgu/cmna/radiogal3c219.jpg
http://www.nsf.gov/news/mmg/media/images/gammaburst_f.jpg
http://upload.wikimedia.org/wikipedia/commons/d/dc/Boomerang_HST_big.jpg
http://apod.nasa.gov/apod/image/9712/m2-9_hst_big.jpg
http://www.spacetelescope.org/static/archives/images/screen/opo9607a.jpg
http://f.i.uol.com.br/folha/ciencia/images/11349281.jpeg
http://www.nobelprize.org/nobel_prizes/physics/laureates/1993/illpres/magnetic.gif

Apresento novamente ao nobre colega os meus mais sinceros protestos de elevada estima e distinta consideração, além de votos de grande sucesso em suas pesquisas.

[]s

Robson Z. Conti
Membro Ativo
Membro Ativo

Mensagens : 232

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Energia Escura como efeito do campo Gravitacional

Mensagem por jocax em 4th Setembro 2013, 18:45

[1] vc nem provou q suas teorias sao coerentes com todas as observacoes em que
a ciencia atual concorda.

[2] Vc que cita Hawking para sustentar seu ponto de vista sendo q eu utilizo as teorias para isso. Ou seja a falacia "Ad Hominem" q vc utiliza eh pior q utilizar
uma base cientifica e logica

Quando a logica aliada as teorias atuais quebram seu ponto de vista vc diz q a ciencia atual eh errada !!!! .

Vc realmente pensa q todos deveriam abandonar o modelo atual e utilizar o SEU modelo ? Todos estao errados menos vc? Sera q vc eh mesmo o grande genio q vai mudar toda a fisica atual?????? Ou é apenas mais um 'doido' querendo propor uma teoria alternativa q jamais vai ser considerada?

[3] Sim as observacoes dao o fiel da balanca por isso a ciencia atual eh
a mais aceita pelo mundo pois eh ela que eh mais coerente com as observacoes
.
Nao estou dizendo q estao 100% certa mas ateh q outra a substitua deveremos utiliza-la.

[4] Nao podemos provar q estamos numa matrix mas poderemos utilizar a navalha de ocam para adotar a teoria ou hipotese mais provavel.

[5] Se houvesse evidencias de uma imensa celula cosmica alguem ja teria ganhado o premio nobel.


jocax
Membro Regular
Membro Regular

Mensagens : 150

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Energia Escura como efeito do campo Gravitacional

Mensagem por Robson Z. Conti em 8th Setembro 2013, 05:28

Olá Jocax,

jocax escreveu:vc nem provou q suas teorias sao coerentes com todas as observacoes em que a ciencia atual concorda
Como você mesmo diz Jocax, nada podemos provar. Mas podemos fornecer evidências. Caso tenha interesse e disposição, leia minhas humildes conjecturas e as explicações que elas produzem para nossas observações em...
http://ouniversosustentavel.blogspot.com.br/p/e-se-for-tudo-igual-tudo-fractal_4385.html
http://ouniversosustentavel.blogspot.com.br/p/e-s.html

Caso você finalmente se dê ao trabalho de ler com calma o que eu escrevi, poderá perceber que eu apenas estou mostrando links (de fontes tidas como fiáveis) que mostram o que até então fomos capazes de observar diretamente, nos quais temos uma grande quantidade de estruturas, que vão do micro ao macro, que apresentam em essência os mesmos formatos e mecanismos de funcionamento, o que considero uma regularidade interessante.

Humildemente proponho em seguida que o mesmo padrão ocorra nas estruturas que ainda não conseguimos observar diretamente, nos tamanhos nano e cosmicamente elevados, ou seja, que no interior do núcleo dos átomos, dos elétrons, dos fótons e mesmo este universo como um todo teriam a mesma estruturação, o mesmo formato básico e seguiriam as mesmas leis naturais.

Adicionalmente observei que o mundo que conhecemos é governado pela densidade da matéria e que, mesmo onde não podemos observar, a densidade dos campos faz este papel, o que devolve o controle das coisas à densidade. Em relação a isto eu apenas propus que as linhas de força seriam fluxos de partículas elementares de matéria, estas sim, existentes por si, o que levaria as forças fundamentais (gravitacional, eletromagnética, nuclear fraca e nuclear forte) a serem também efeito da densidade destas partículas elementares.

Como neste cenário apenas estou propondo uma extensão do que observamos onde não pudemos observar ainda, todas as fórmulas se manteriam da mesma maneira e com a mesma validade, o que seria uma simplificação imensa.
jocax escreveu:Vc que cita Hawking para sustentar seu ponto de vista sendo q eu utilizo as teorias para isso. Ou seja a falacia "Ad Hominem" q vc utiliza eh pior q utilizar uma base cientifica e logica
Aparenta-me que o nobre colega equivocou-se. A falácia do "Argumentum ad Hominem" caracteriza-se pelo ataque à pessoa do oponente (e eu não ataco a nenhuma pessoa, ainda mais pesquisadores). Aliás, o meu ponto de vista em relação à perda de massa de buracos negros é contrário ao do Hawking (o que torna o meu ponto de vista concordante com o seu neste detalhe Jocax). Pelo jeito, como você mesmo assumiu, você não lê mesmo o que eu escrevo.
jocax escreveu:Vc realmente pensa q todos deveriam abandonar o modelo atual e utilizar o SEU modelo ? Todos estao errados menos vc? Sera q vc eh mesmo o grande genio q vai mudar toda a fisica atual?????? Ou é apenas mais um 'doido' querendo propor uma teoria alternativa q jamais vai ser considerada?
Este sim é um belo exemplo da falácia do "Argumentum ad Hominem". Você nem tocou na bola (digo, nas teses), mas chutou o adversário, mais uma vez com animosidade incomum neste tipo de ambiente.

Quanto às minhas humildes conjecturas, tendo em vista a enorme fila de paradoxos produzidos pelas teses mais populares em nossa época, fiz algumas investigações a respeito da realidade e humildemente percebi algumas regularidades, as quais tenho apresentado como indícios de que o mundo pode ser mais simples do que nossas complicadíssimas teses nos têm feito acreditar. Caso você possa ter a gentileza e especial atenção em finalmente ler o que está apresentado no links acima e também em...
http://ouniversosustentavel.blogspot.com.br/2011/10/pequena-conjectura-sobre-o_28.html
...poderá ter ideia mais abrangente dos motivos que me levam a ter a humilde opinião que atualmente tenho. Ainda que corra um enorme risco de ter me equivocado, prefiro correr este risco a endossar algo com que não concordo em função da enorme fila de paradoxos produzidos. O tempo é o senhor da razão e nos dará a resposta.

Fico a tentar imaginar o motivo da sua já tradicional irritação com quem não pensa como você. Será alguma espécie de revolta pelo insucesso em produzir convencimento dos demais. Não se preocupe, a verdade acabará prevalecendo e se você estiver correto, acabarão sabendo. Muitos pesquisadores (Galileu e Copérnico entre eles) apenas tiveram suas teses reconhecidas séculos após as terem publicado.

Em relação às minhas humildes conjecturas serem consideradas, tenho claro que dificilmente a academia vai se dar ao trabalho de testá-las. Mas continuará as pesquisas, o que acabará por testá-las de qualquer maneira, pois mais dia menos dia os nossos pesquisadores encontrarão uma teoria completa e mesmo se a minha estiver, como é mais provável, entre as milhares reprovadas pelo duro teste de comparação com a realidade, paciência. Estarei entre os milhares que terão falhado ao tentar entender “o pensamento de Deus”, como disse o meu amigo Einstein. Mesmo assim terá valido a pena, pois é muito melhor tentar e falhar do que ser “engenheiro de obras prontas” e só criticar o que os outros fizeram enquanto assistimos confortavelmente instalados os esforços alheios.

Ainda assim o meu blog, totalmente em português, tem tido mais acessos de países não falantes de língua portuguesa do que os que usam nosso idioma (a maior quantidade de acessos em outros idiomas vêm, nesta ordem, dos Estados Unidos, Rússia, Alemanha, Ucrânia, Polônia, Holanda e Reino Unido, apesar alguns acessos virem também do Japão, Índia, China, Israel e Coreia do Sul), o que é surpreendente em uma disciplina como a Física. Ou seja, apesar de apresentarem uma posição alternativa, as teses ali expostas aparentemente fazem algum sentido e ainda explicam muita coisa de forma aparentemente satisfatória e clássica, sem paradoxos.
jocax escreveu: a ciencia atual eh a mais aceita pelo mundo pois eh ela que eh mais coerente com as observacoes
Você pode até ter alguma razão neste caso, Jocax. Apenas lembro que o modelo ptolomaico e o flogisto já ocuparam esta invejável posição (e sabemos no que deu...).
Além disto, a popularidade de uma teoria ser usada como argumento é a falácia do “Argumentum ad populum”. E o fato dela ser originada na mesma época em que é popular a torna fácil vítima da historicidade e do determinismo geográfico-cultural.
jocax escreveu:Se houvesse evidencias de uma imensa celula cosmica alguem ja teria ganhado o premio nobel
Há evidências. Confira nos links, não dói tanto assim.

[]s

P.S: Já que o assunto do tópico envolve buracos negros, em sua opinião, qual seria o motivo dos mesmos não emitirem luz? E quanto às estrelas de nêutrons, por que emitem tão pouca luz em relação à sua massa?

Robson Z. Conti
Membro Ativo
Membro Ativo

Mensagens : 232

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Energia Escura como efeito do campo Gravitacional

Mensagem por Jonas Paulo Negreiros em 8th Setembro 2013, 12:24

Começa busca pela Energia Escura
Redação do Site Inovação Tecnológica - 06/09/2013


Serão observadas em torno de 100 milhões de estrelas de nossa galáxia e suas vizinhas no espaço. [Imagem: Reidar Hahn/DES]

Caça às escuras

O projeto DES (Dark Energy Survey) começou oficialmente suas observações.

O objetivo do projeto é entender porque a expansão do universo está se dando de forma acelerada - ao invés de desacelerar pelo efeito da gravidade - e sondar a misteriosa energia escura, que se acredita ser a causa desse fenômeno.

Mais detalhes em:

http://www.inovacaotecnologica.com.br/noticias/noticia.php?artigo=comeca-busca-pela-energia-escura&id=010130130906

P.S.:
Esse é um assunto que me interessa muito. Para mim, a energia escura é "motor da expansão fantástica" Very Happy !

_________________
Gráviton, onde tu estás que não te encontro Razz ?
avatar
Jonas Paulo Negreiros
Físico Profissional
Físico Profissional

Mensagens : 1723
Idade : 63
Localização : Jundiaí, São Paulo - Brasil

http://sbtvd.anadigi.zip.net

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Energia Escura como efeito do campo Gravitacional

Mensagem por jocax em 9th Setembro 2013, 14:22

Eh apelo da autoridade e nao "ad hominem" :

15. Apelo à autoridade

Você usa a sua posição como figura ou instituição de autoridade no lugar de um argumento válido. (A popular “carteirada”.)

É importante mencionar que, no que diz respeito a esta falácia, as autoridades de cada campo podem muito bem ter argumentos válidos, e que não se deve desconsiderar a experiência e expertise do outro.

Para formar um argumento, no entanto, deve-se defender seus próprios méritos, ou seja, deve-se saber por que a pessoa em posição de autoridade tem aquela posição. No entanto, é claro, é perfeitamente possível que a opinião de uma pessoa ou instituição de autoridade esteja errada; assim sendo, a autoridade de que tal pessoa ou instituição goza não tem nenhuma relação intrínseca com a veracidade e validade das suas colocações.

Exemplo: Impossibilitado de defender a sua posição de que a teoria evolutiva “não é real”, Roberto diz que ele conhece pessoalmente um cientista que também questiona a Evolução e cita uma de suas famosas falas.

Exemplo 2: Um professor de matemática se vê questionado de maneira insistente por um aluno especialmente chato. Lá pelas tantas, irritado após cometer um deslize em sua fala, o professor argumenta que tem mestrado pós-doutorado e isso é mais do que suficiente para o aluno confiar nele.

***

Vc disse : "Em relação às minhas humildes conjecturas serem consideradas, tenho claro que dificilmente a academia vai se dar ao trabalho de testá-las. Mas continuará as pesquisas, o que acabará por testá-las de qualquer maneira, pois mais dia menos dia os nossos pesquisadores encontrarão uma teoria completa e mesmo se a minha estiver, como é mais provável, entre as milhares reprovadas pelo duro teste de comparação com a realidade, paciência. Estarei entre os milhares que terão falhado ao tentar entender “o pensamento de Deus”, como disse o meu amigo Einstein."

Einstein era ateu :

21. Carta revela desdém de Einstein pela religião


“A palavra Deus para mim é nada mais que a expressão e produto da fraqueza humana, a Bíblia é uma coleção de lendas honradas, mas ainda assim primitivas, que são bastante infantis”, escreve Einstein
http://groups.yahoo.com/group/Genismo/message/5987

-----------------

O q eu acho estranho eh vc querer discutir aspectos fisicos utilizando a SUA teoria
sendo que praticamente APENAS VC a conhece.

Vc acha razoavel vc invalidar todos os argumentos das pessoas que debatem física aki neste forum argumentando que elas estao errada porque NAO UTILIZAM A FISICA QUE VC INVENTOU? PQ a sua esta certa e a fisica do mundo inteiro esta errada? rsrsrsr

jocax
Membro Regular
Membro Regular

Mensagens : 150

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Energia Escura como efeito do campo Gravitacional

Mensagem por Jonas Paulo Negreiros em 9th Setembro 2013, 22:53

Einstein diz:
“A palavra Deus para mim é nada mais que a expressão e produto da fraqueza humana, a Bíblia é uma coleção de lendas honradas, mas ainda assim primitivas, que são bastante infantis”, escreve Einstein
http://groups.yahoo.com/group/Genismo/message/5987
É somente uma opinião, Jocax.
avatar
Jonas Paulo Negreiros
Físico Profissional
Físico Profissional

Mensagens : 1723
Idade : 63
Localização : Jundiaí, São Paulo - Brasil

http://sbtvd.anadigi.zip.net

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Energia Escura como efeito do campo Gravitacional

Mensagem por Robson Z. Conti em 11th Setembro 2013, 10:02

Oi Jocax.

A nossa conversa quase não mais versa sobre física, quase que falamos apenas sobre falácias e nossas atitudes, o que é péssimo sinal, de modo que prefiro tentar mudar esta situação. Apenas a título de esclarecimento, quando citei o Hawking, o fiz para dizer da posição dele em uma teoria de autoria do mesmo, da qual DISCORDO, ou seja, não há como eu estar usando da falácia da autoridade DISCORDANDO da opinião da autoridade citada.

Da mesma forma, quando você diz que...
Einstein era ateu
estamos mais uma vez usando este expediente e fugindo do assunto (não estamos tratando da existência ou não de um ser supremo, foi apenas usada uma frase do meu amigo Einstein a respeito dos princípios mais básicos e fundamentais da física, ao que ele chamou de “pensamento de Deus”). Aliás, a reputação do meu amigo Einstein é tamanha que tanto ateus quanto teístas afirmam que o Einstein estava do lado deles. Como este é um assunto não científico penso que podemos esquecê-lo, sem perda alguma para o fórum. Caso se interesse pelo assunto sugiro a leitura do livro “Einstein e a religião – Max Jammer – Contraponto Editora, 2000 – ISBN 85-85-910-37-2”.

Jocax escreveu:O q eu acho estranho eh vc querer discutir aspectos fisicos utilizando a SUA teoria
sendo que praticamente APENAS VC a conhece.

Vc acha razoavel vc invalidar todos os argumentos das pessoas que debatem física aki neste forum argumentando que elas estao errada porque NAO UTILIZAM A FISICA QUE VC INVENTOU? PQ a sua esta certa e a fisica do mundo inteiro esta errada? rsrsrsr
Parece que não consegui me fazer entender adequadamente. Eu sou, e sei que sou, apenas um humilde aprendiz que tenho publicado em um fórum de discussões de física as minhas opiniões a respeito do assunto ao qual o referido fórum é dedicado. Existe um visão “oficial” a respeito das diversas áreas das quais a física trata, da qual discordo parcialmente, principalmente em relação às teorias elaboradas no ínicio do século XX, as quais, apesar de grande sucesso em produzir previsões adequadas, produzem também um grande número de paradoxos e regiões de sombra e penumbra, sendo mais parecida com uma colcha de retalhos mal costurados do que com uma teoria consistente, coerente e simples, que é o que se pode esperar de um modelo completo.

A falta de consistência é tal que se perguntamos a 10 físicos renomados a opinião deles a respeito das implicações filosóficas das mais aceitas teorias da atualidade, teremos provavelmente ao menos 20 respostas diferentes, pois cada físico em geral opta por citar mais de uma tese como alternativas MAIS PROVÁVEIS, ou seja, saber mesmo, NENHUM DELES E NEM DE NÓS SABE NADA, apenas temos opiniões sobre o que nos parece ser mais provável.

Em uma situação destas, opinião por opinião, fico com a minha e cada pessoa tem a total liberdade de ter a própria opinião, provavelmente diferente do todas as demais (e VOCÊ não é diferente nisto, tanto que publica suas teses aqui e em outros locais). Em relação à minha humilde posição a respeito de como o mundo funciona, tenho apresentado observações (de autoria de fontes tidas como fiáveis pela comunidade científica) de estruturas das mais diversas dimensões e localizações como evidências da existência de um padrão, o que não teve nenhuma refutação nos últimos anos. Em seguida apresento minha OPINIÃO PESSOAL do motivo que nos leva a observar este tipo de padrão, em geral apenas aprofundando conceitos atualmente tratados como "caixas-pretas" pela academia (o exemplo mais expressivo seria a minha tentativa de explicar do que seriam compostos os "milagrosos" campos). Eu não questiono a existência dos campos, do Big-Bang e muito menos as equações, apenas proponho os mecanismos que, NA MINHA humilde OPINIÃO, poderiam explicar as observações que fazemos.

Outro detalhe é que este fórum, e imagino que os demais também, é um local de discussão a respeito do assunto a ele dedicado. Se apenas existisse aqui (e nos demais fóruns também) a mera exposição do que se ensina nas salas de aula, ele perderia a razão de sua existência. Se apenas viermos aqui dizer amém para o modelo oficial, para que fórum?

Além disto, eu não me lembro de ter dito alguma vez que as teses de alguém estão erradas, evito este expediente. Quando discordo, eu procuro questionar ou contestar explicitando o motivo para tanto. Em uma quantidade de casos dou também a minha opinião pessoal à respeito,  e deixando claro se que se trata de opinião pessoal, a qual evidentemente não é coincidente como o que o modelo padrão prega em relação à questões de base, mesmo porque o modelo padrão abdica de explicar o motivo pelo qual as coisas são assim, apostando no acaso "quântico". Cada um acredita (ou não) na versão que soberanamente decide e você pode fazer o mesmo. Poderei concordar ou discordar de sua opinião, mas muitíssimo dificilmente vou dizer algo do tipo “você está errado”, apenas que concordo ou discordo, sempre citando os motivos para tanto.
jocax escreveu:rsrsrsr
Apesar de estar tentando não mais falar nisto, a desqualificação da tese ou da pessoa do adversário através deste tipo de expediente é também classificado como falácia. A princípio isto pareceu-me exemplo falácia do espantalho ou do homem de palha, na qual se desmerece a posição do opositor através de ataque à posição menos forte de suas teses, em geral usando de ironia. Mas continua sendo o “Argumentum ad hominem”,  pois a bola (a tese) não foi tocada, mas o adversário foi chutado.

Isto tudo serve apenas para confirmar que NÃO ESTAMOS DISCUTINDO FÍSICA, apenas nos acusando mutuamente de raciocínios falaciosos. Por falar em discutir física, e tentando voltar à ela, na postagem anterior eu perguntei a você “Já que o assunto do tópico envolve buracos negros, em sua opinião, qual seria o motivo dos mesmos não emitirem luz? E quanto às estrelas de nêutrons, por que emitem tão pouca luz em relação à sua massa?”

[]s

Robson Z. Conti
Membro Ativo
Membro Ativo

Mensagens : 232

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Energia Escura como efeito do campo Gravitacional

Mensagem por jocax em 11th Setembro 2013, 13:18

Robson,

Se estamos discutindo alguns problemas fisicos
DEVEMOS CONCORDAR COM AS PREMISSAS se nao a conversa fica uma coisa de louco,
nao se chega a um consenso.


Se vc vai usar SUAS teorias para discutie isso vc deve de antemao dizer issso
por que POR PADRAO , por default, supoe-se que
estamos utilizando a CIENCIA OFICIAL, isto eh , a que eh ensinada nas instituicoes.

Se vc quer discutir evaporacao de Buracos Negros com sua teoria isso eh outro problema. E deveria abrir um outro topico do tipo "B.N. segundo a fisica do Robson".

E outra coisa, vc fala q na estamos discutindo fisica , concordo ,
mas eh VC que mais palavras escreve sobre comportamentos e coisas nao fisicas.

Vc tenta falar de uma forma POLIDA mas na verdade parece q esta tecendo sua teia ARDILOSA para utiliza o "AD HOMINEM" sem parecer que o faz.

tanro eh que eu soh escrevi "rsrsrsr" e vc ARDILOSAMENTE para me DESQUALIFICAR
escreveu pelo menos umas 100 palavras de julgamento SENDO QUE , estas palavras
TAMBEM SAO "AD HOMINEM" fora do campo da Física q deveria ser este forum.

Ou seja, vc quer se mostrar POLIDO , BONZINHO, ETICO mas JOGA UMA ardilosa TEIA de "ad hominem" para tentar desqualificar seus oponentes.

------------
Sobre os BN nao emitirem luz , ( utilizando a fisica padrao e nao sua teoria )
me parece que a gravidade eh tao alta que o foton nao tem energia suficiente para escapar do campo gravitacional.:

"...De acordo com a teoria da relatividade restrita formulada por Einstein em 1905, nenhum corpo pode se mover com uma velocidade maior que a da luz (c = 300.000 km/seg.). Ou seja, um buraco negro é corpo onde a velocidade de escape é maior que a velocidade da luz, por isso nem mesmo ela pode escapar.
Para uma determinada massa M, usando ve = c, obtemos um raio mínimo do qual nada pode escapar. Esse raio é conhecido por “raio de Schwarzschild” em homenagem a Karl Schwarzschild (1873-1916), que chegou a este resultado. Tudo que estiver dentro desse raio crítico não poderá mais ser visto, essa região limitada pelo raio de Schwarzschild, é chamada de horizonte de eventos. Quem ousar ultrapassa-lo pode estar certo que não voltará mais, nem mesmo à luz. ..
."

http://www.ced.ufsc.br/men5185/trabalhos/50_Misterios_Escuros/misteriosescurosarquivos/Page419.htm


Sobre as estrelas de neutros nao emitirem muita luz , eu acredito que seja devido
ao fato de nao terem mais reacoes de fusao em seu interior como possuem as estrelas normais.

[]s


jocax
Membro Regular
Membro Regular

Mensagens : 150

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Energia Escura como efeito do campo Gravitacional

Mensagem por Robson Z. Conti em 16th Setembro 2013, 00:58

jocax escreveu:Robson,

Se estamos discutindo alguns problemas fisicos
DEVEMOS CONCORDAR COM AS PREMISSAS se nao a conversa fica uma coisa de louco,
nao se chega a um consenso.


Se vc vai usar SUAS teorias para discutie isso vc deve de antemao dizer issso
por que POR PADRAO , por default, supoe-se que
estamos utilizando a CIENCIA OFICIAL, isto eh , a que eh ensinada nas instituicoes.

Se vc quer discutir evaporacao de Buracos Negros com sua teoria isso eh outro problema. E deveria abrir um outro topico do tipo "B.N. segundo a fisica do Robson".

E outra coisa, vc fala q na estamos discutindo fisica , concordo ,
mas eh VC que mais palavras escreve sobre comportamentos e coisas nao fisicas.

Vc tenta falar de uma forma POLIDA mas na verdade parece q esta tecendo sua teia ARDILOSA para utiliza o "AD HOMINEM" sem parecer que o faz.

tanro eh que eu soh escrevi "rsrsrsr" e vc ARDILOSAMENTE para me DESQUALIFICAR
escreveu pelo menos umas 100 palavras de julgamento SENDO QUE , estas palavras
TAMBEM SAO "AD HOMINEM" fora do campo da Física q deveria ser este forum.

Ou seja, vc quer se mostrar POLIDO , BONZINHO, ETICO mas JOGA UMA ardilosa TEIA de "ad hominem" para tentar desqualificar seus oponentes.
Muito bem e muito bom. Apesar de discordar da mera apresentação de argumentos poder ser considerada falácia (uma risada de deboche vale mais que 1000 palavras), deixemos do jeito que está para ver se avançamos, ou seja, já que concordamos que estamos nos batendo e não debatendo, vamos parar com isto e discutir física.

Em relação ao uso das posições da mainstream ou das minhas opiniões pessoais, tenho especificado de forma clara quando me refiro à uma ou à outra (mas você não lê, conforme admitiu). Em todo o caso, para que você perceba com mais facilidade esta parte, PROCURAREI SER BEM MAIS ENFÁTICO nas próximas postagens. Outro detalhe é que o seu modelo, ao propor a “Energia Escura como efeito do campo Gravitacional”, também é contrário à posição da CIÊNCIA OFICIAL.
jocax escreveu:Sobre os BN nao emitirem luz , ( utilizando a fisica padrao e nao sua teoria )
me parece que a gravidade eh tao alta que o foton nao tem energia suficiente para escapar do campo gravitacional.
Muito bem e muito bom. É exatamente isto que a famigerada mainstream apregoa.
jocax escreveu:Sobre as estrelas de neutros nao emitirem muita luz , eu acredito que seja devido
ao fato de nao terem mais reacoes de fusao em seu interior como possuem as estrelas normais.
Muito bem e muito bom. Veja agora o que dizem que uma estrela de nêutrons é:
http://pt.wikipedia.org/wiki/Ficheiro:Neutron_star_cross_section.jpg

[http://pt.wikipedia.org/wiki/Estrela_de_n%C3%AAutrons]
“Estrelas de nêutrons são um dos possíveis estágios finais na vida de uma estrela. Elas são criadas quando estrelas com massa maior a oito vezes a do Sol esgotam sua energia nuclear e passam por uma explosão de supernova.
Essa explosão ejeta as camadas mais externas da estrela, formando um remanescente de supernova. Instantes antes da explosão, a região central da estrela se contrai com a gravidade, fazendo com que elétrons sejam empurrados para os núcleos dos átomos e se combinem com prótons formando nêutrons, sendo a razão do nome "estrela de nêutrons"."

Por sua vez, buracos negros são objetos ainda mais massivos, em que mesmo os nêutrons teriam se degenerado, porem com formação similar a das estrelas de nêutrons (explosão de supernova).
[http://pt.wikipedia.org/wiki/Buraco_negro]
“Um buraco negro forma-se quando uma estrela super maciça fica sem combustível, o que faz seu núcleo diminuir até ficar reduzido a uma fração de seu tamanho original. Quando isso acontece, a gravidade produzida por ele sai do controle e começa a sugar tudo que encontra. Ele começa a sugar a massa da estrela, fazendo isso tão rapido que se engasga e expele enormes torrentes de energia. Ela é tão forte que acaba furando a estrela e lançando mais jatos de energia. A gravidade não suporta essa energia e a estrela finalmente explode (esta explosão é chamada de supernova).”

Vamos agora passar a outro detalhe Jocax. Como você considera que fótons são produzidos, ou seja, como a luz é produzida?

[]s

Robson Z. Conti
Membro Ativo
Membro Ativo

Mensagens : 232

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Energia Escura como efeito do campo Gravitacional

Mensagem por jocax em 16th Setembro 2013, 13:38

Robson disse:
"..Outro detalhe é que o seu modelo, ao propor a “Energia Escura como efeito do campo Gravitacional”,
também é contrário à posição da CIÊNCIA OFICIAL..."

Eu nao creio que seja *tao* contrario aa ciencia oficial, acredito que seja
apenas uma melhor interpretacao da teoria da relatividade.

Como eu expliquei : Se corpos acelerados tem uma CONTINUA reducao de tamanho
em relacao a um observador nao acelerado, um corpo sob accao gravitacional tbem deveria ter:
O PRINCIPIO DA EQUIVALENCIA diz que :

Wiki:
"..O princípio da equivalência de Einstein afirma que não há experimento que permita ao seu observador discernir entre o caso no qual este experimento é realizado em um local onde há um campo de gravidade \vec g conhecido, constituindo o observador (referencial) neste caso, apesar de imerso neste mesmo campo, um referencial inercial - não acelerado, portanto - e o caso onde o experimento é realizado em uma região completamente isenta de campos gravitacionais, mas com o observador, neste caso, acelerado por uma força \vec F adequada, que imponha ao mesmo uma aceleração de módulo igual mas de sentido contrário ao da aceleração \vec g gerada no primeiro caso pelo campo de gravidade...."

Veja bem, se um corpo acelerado ha uma continua contracao de Lorentz na direcao do movimento
creio q o mesmo fenomeno deveria ocorrer num corpo sob efeito gravitacional.


E isso, a meu ver, poderia explicar a energia escura.
--------------------

Vc me pergnuta como a luz eh produzida:

A luz ( foton ) eh produzida, por exemplo, qdo um eletron sai de sua orbita de maior energia
para uma orbita de menor energia. Pelo princio da conservacao de energia um foton
eh liberado de forma q a energia total permaneca constante.

[]s

jocax
Membro Regular
Membro Regular

Mensagens : 150

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Energia Escura como efeito do campo Gravitacional

Mensagem por Robson Z. Conti em 23rd Setembro 2013, 00:02

jocax escreveu: Veja bem, se um corpo acelerado ha uma continua contracao de Lorentz na direcao do movimento
creio q o mesmo fenomeno deveria ocorrer num corpo sob efeito gravitacional.
E isso, a meu ver, poderia explicar a energia escura.
Por que você considera que a contração de Lorentz na direção do movimento de um corpo sob efeito gravitacional poderia explicar a energia escura?
jocax escreveu:A luz ( foton ) eh produzida, por exemplo, qdo um eletron sai de sua orbita de maior energia para uma orbita de menor energia.
Muito bem e muito bom. Se em estrelas de nêutrons a maioria dos elétrons foram compelidos (pela força gravitacional) a se unir aos prótons formando nêutrons (conforme a mainstream informa e nós concordamos), como é que em um lugar destes poderia emitir a quantidade de luz que seria de se esperar se não há elétrons fazendo transição  entre órbitas?

Da mesma maneira eu posso (e entendo até que devo) perguntar em relação aos buracos negros: se nos buracos negros temos uma condição ainda mais severa, sem o menor resquício de elétrons nos orbitais dos átomos (pois não há nem mesmo átomos), como é que poderia alguma luz ser emitida por um corpo celeste com estas características? Você pode me dizer, Jocax (ou outro especialista que tenha a bondade de esclarecer este detalhe)? Como é que os buracos negros produziriam fótons sem átomos e seus elétrons?

Tal qual você afirma fazer, eu apenas usei as informações da assim dita “Ciência Oficial” para, sem sair da base de dados apresentados como confiáveis pela mesma, fazer um questionamento (como é que um lugar em que as transições de orbital eletrônico são inexistentes poderia emitir fótons?) que não coloca o modelo oficial em questão, mas questiona a explicação que tem nos sido dada pelos seus seguidores.

No caso em questão, eu nem tenho um modelo diferente, o cenário utilizado é o do modelo padrão (dentro de estrelas de nêutrons existem poucos átomos – já que eles foram transformados em nêutrons – e nos buracos negros átomos não existem), apenas questiono a explicação. O restante do cenário com o qual tenho trabalhado é similar a este, ou seja, trabalho com os dados que nos são fornecidos por fontes tidas como confiáveis pelo que você chamou de Ciência Oficial e questiono ou mesmo contesto abertamente algumas explicações, pois as mesmas não são coerentes (na minha humilde opinião).

Em geral apenas constato regularidades nos dados tidos como confiáveis pelos próprios defensores do modelo padrão e, verificando que há explicações com a necessidade de uma menor quantidade de entidades envolvidas para a descrição dos fenômenos e das estruturas do que ocorre com o modelo padrão, compartilho estas explicações com os demais e as submeto ao duro teste de comparação com a realidade observada, esta sim o fiel da balança.

Tudo é classicamente simples, não há a suposição de existência de nenhuma entidade diferente das utilizadas na física clássica, nada de dimensões ocultas, cordas, supercordas, paradoxos insolúveis, superposição quântica, dualidade e outras bizarrices que deixam até esotéricos estupefatos.

[]s

Robson Z. Conti
Membro Ativo
Membro Ativo

Mensagens : 232

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Energia Escura como efeito do campo Gravitacional

Mensagem por jocax em 23rd Setembro 2013, 17:41

Vc disse:
"Por que você considera que a contração de Lorentz na direção do movimento de um corpo sob efeito gravitacional poderia explicar a energia escura?"

Veja o texto do inicio do topo:
"....A "energia-escura" através da contração gravitacional:

Vamos pensar o que aconteceria com a luz emitida por uma estrela de uma galáxia distante até chegar ao nosso planeta:

Nossa galáxia, assim como as galáxias distantes, estaria em constante contração, como vimos antes, devido à gravidade.
Um fóton de luz emitida por uma estrela desta galáxia distante, após deixar a sua galáxia, percorreria um longo espaço “vazio”, sem muita influência gravitacional, até finalmente chegar à nossa galáxia e, por fim, ao nosso planeta.

Durante este longo percurso percorrido (às vezes de bilhões de anos) este fóton sofreria pouco efeito gravitacional e seu comprimento de onda pouco seria afetado.
Contudo, durante este tempo, nosso sistema (nossas réguas) continuariam diminuindo devido ao campo gravitacional, e quando finalmente este fóton chegasse aqui, nós mediríamos o seu comprimento de onda com uma “régua” bastante reduzida em relação à que tínhamos na época em que este fóton foi emitido pela galáxia.

Então, em nossa medição se constataria que este fóton sofreu um “Desvio para o Vermelho” (Red Shift), porque, com uma régua reduzida, mediríamos um comprimento de onda maior do que aquele que tinha quando foi emitido, e a explicação tradicional seria que este “Desvio para o Vermelho” se deveu ao efeito Doppler relativo à velocidade de afastamento da galáxia!
..."


jocax
Membro Regular
Membro Regular

Mensagens : 150

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Energia Escura como efeito do campo Gravitacional

Mensagem por jocax em 23rd Setembro 2013, 18:03

Vc pergunta:
"..como é que em um lugar destes poderia emitir a quantidade de luz que seria de se esperar se não há elétrons fazendo transição entre órbitas?..."

Pode ser que nem TODOS eletros caiam para seus protons de uma UNICA VEZ e
sim vao caindo aos poucos e por isso ela ainda poderia emior luz.

Veja q nem todos eletrons caem dentro dos nucleos , WIKI:

"....O interior de uma estrela de nêutrons consiste de um núcleo grande, formado basicamente por nêutrons, e um pequeno número de prótons supercondutores. Novamente, a baixas temperaturas, os prótons supercondutores, combinados com a alta velocidade de rotação da estrela, produzem um efeito dínamo, semelhante ao responsável pelo campo magnético da Terra. Ao redor do núcleo, encontra-se um manto de nêutrons, seguido por uma camada de núcleos de ferro e elétrons livres...."


Pois a medida q vamos ao interior da estrela a forca da gravidade vai DIMINUINDO
claro q pode haver pressoes devido a gravidade q empurra as camadas mais externas
mas no centro da estrela a gravidade eh zero,( mas nao tvz a pressao ).

----------
"..como é que poderia alguma luz ser emitida por um corpo celeste com estas características? Você pode me dizer, Jocax (ou outro especialista que tenha a bondade de esclarecer este detalhe)? Como é que os buracos negros produziriam fótons sem átomos e seus elétrons?.."

Na verdade a luz eh emitida FORA do horizonte de eventos, de 2 formas:
Qdo a materia ou gaz esta entrando no BN ele eh comprimido e esquenta isso
produz luz e calor ANTES de entrar no B.N.

Outra possivel causa seria a criacao de part. e anti part. FORA do BN mas perto dele , devido ao efeito quantico de criacao aleatoria que eh ( conforme li ha decdas atras ) *turbinado* pelo ALTO nivel de energia potencial gravitacional.
--------------

jocax
Membro Regular
Membro Regular

Mensagens : 150

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Energia Escura como efeito do campo Gravitacional

Mensagem por Robson Z. Conti em 29th Setembro 2013, 01:00

Jocax escreveu:Então, em nossa medição se constataria que este fóton sofreu um “Desvio para o Vermelho” (Red Shift), porque, com uma régua reduzida, mediríamos um comprimento de onda maior do que aquele que tinha quando foi emitido, e a explicação tradicional seria que este “Desvio para o Vermelho” se deveu ao efeito Doppler relativo à velocidade de afastamento da galáxia!
Se eu entendi bem a sua tese, em última instância, você propõe que a energia escura na verdade não existe, pois seria uma ilusão produzida pela contração que (para você) a força gravitacional está a produzir.

Você poderia informar que evidências (objetivas, seria desejável) você considera possuir de que “Nossa galáxia, assim como as galáxias distantes, estaria em constante contração, como vimos antes, devido à gravidade.
Jocax escreveu:Vc pergunta:
"..como é que em um lugar destes poderia emitir a quantidade de luz que seria de se esperar se não há elétrons fazendo transição entre órbitas?..."

Pode ser que nem TODOS eletros caiam para seus protons de uma UNICA VEZ e sim vao caindo aos poucos e por isso ela ainda poderia emior luz.
Muito bem e muito bom. Ou seja, as estrelas de nêutrons emitem menor quantidade de luz porque nelas existem muitos nêutrons e poucos elétrons ligados a prótons de forma a formar átomos.
Jocax escreveu:Pois a medida q vamos ao interior da estrela a forca da gravidade vai DIMINUINDO
claro q pode haver pressoes devido a gravidade q empurra as camadas mais externas
mas no centro da estrela a gravidade eh zero,( mas nao tvz a pressao ).
Você poderia, por gentileza, informar a fonte destes dados, em que a gravidade DIMINUI à medida que avançamos rumo ao interior das estrelas (e corpos celestes em geral)?
Jocax escreveu:Na verdade a luz eh emitida FORA do horizonte de eventos, de 2 formas:
Qdo a materia ou gaz esta entrando no BN ele eh comprimido e esquenta isso
produz luz e calor ANTES de entrar no B.N.

Outra possivel causa seria a criacao de part. e anti part. FORA do BN mas perto dele , devido ao efeito quantico de criacao aleatoria que eh ( conforme li ha decdas atras ) *turbinado* pelo ALTO nivel de energia potencial gravitacional.
Muito bom e muito bem. Ou seja, SE a luz é produzida apenas FORA do horizonte de eventos dos buracos negros, ENTÃO os buracos negros são negros por falta do que emita fótons/luz no interior dos mesmos (prerrogativa exclusiva de elétrons) e não pela imensa gravidade dos buracos negros impedir a saída da luz (que nem mesmo é emitida), como dizem por aí.

Eu tratei aqui deste detalhe para mostrar que as explicações que em geral nos são dadas podem ter sérios problemas se entrarmos nos detalhes, e que outras soluções (bem mais simples) também podem explicar as nossas observações. O mesmo ocorre com outras situações, em que há explicações muito mais simples do que as que os modelos padrão nos fornecem. No presente caso eu estou propondo uma reflexão para a ausência de emissão de luz pelos buracos negros pois, apesar da descomunal força gravitacional dos buracos negros ser responsável pela degeneração da matéria bariônica nos mesmos, a ausência de luz pode simplemente ser por falta de quem a emita e não pela gravidade impedi-la de sair do horizonte de eventos.

Eu não questionei as observações e sim propus uma explicação simples para as mesmas (o que se repete em outras áreas).

[]s

Robson Z. Conti
Membro Ativo
Membro Ativo

Mensagens : 232

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Energia Escura como efeito do campo Gravitacional

Mensagem por Jonas Paulo Negreiros em 29th Setembro 2013, 11:15

Robson comenta:
Se eu entendi bem a sua tese, em última instância, você propõe que a energia escura na verdade não existe, pois seria uma ilusão produzida pela contração que (para você) a força gravitacional está a produzir.
A contração também não é uma forma de movimento?
Se temos partículas caminhando para o centro de seus próprios corpos, e se isso acontece de forma acelerada, temos uma situação de realização de trabalho, isto é: energia.

Robson pergunta:
Você poderia, por gentileza, informar a fonte destes dados, em que a gravidade DIMINUI à medida que avançamos rumo ao interior das estrelas (e corpos celestes em geral)?
Acho que o modelo gravitacional newtoniano responde:

Se massa atrai massa, no cento de qualquer corpo material esférico, a partícula central desse corpo sofre atração em todas as direções, porém no sentido "de dentro para fora". Logo, a resultante pressão dessa partícula (localizada no centro de um corpo esférico) deveria ser nula...

... Ou invertida, pois esta partícula central estaria sendo "puxada" e não "comprimida" pela massa total do corpo esférico.


Sobre a causa de um buraco negro não emitir luz, acho que o modelo de expansão radial dos astros explica (em partes):

À partir de um certo raio, a velocidade de expansão de um buraco negro é igual ou superior (desculpem-me os relativistas) à velocidade da luz. Dessa maneira, um buraco negro poderia "atropelar" , "absorver" ou "engolir" qualquer partícula (fotônica ou não) que estivesse à sua volta.

Só não dá para explicar por que isso não acontece nos polos (eixo de rotação?) dos buracos negros, de onde escapam jorros de partículas luminosas (que desafiam todas as teorias vigentes).

Talvez este jatos partam de válvulas de escape das partículas submetidas à violenta pressão interna dos buracos negros.

Essa válvulas deveriam  estar localizadas no eixo de rotação dos buracos negros. Um pouco de força centrípeta (ou "centrífuga") poderia dar origem a estes pontos de escape.

Seria de grande valor científico, se fosse possível medir a "velocidade de ejeção" dessas partículas. Poderíamos ter grandes surpresas... não é mesmo, Tio Einstein Razz ?
avatar
Jonas Paulo Negreiros
Físico Profissional
Físico Profissional

Mensagens : 1723
Idade : 63
Localização : Jundiaí, São Paulo - Brasil

http://sbtvd.anadigi.zip.net

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Energia Escura como efeito do campo Gravitacional

Mensagem por Robson Z. Conti em 30th Setembro 2013, 00:24

Jonas Paulo Negreiros escreveu:A contração também não é uma forma de movimento?
A energia escura é uma solução proposta como uma fonte de energia capaz de sustentar a expansão acelerada do universo. Como o Jocax está propondo que a expansão é inexistente, então a contração seria devida à força gravitacional e a energia escura nem existiria.
Jonas Paulo Negreiros escreveu:Se massa atrai massa, no cento de qualquer corpo material esférico, a partícula central desse corpo sofre atração em todas as direções, porém no sentido "de dentro para fora". Logo, a resultante pressão dessa partícula (localizada no centro de um corpo esférico) deveria ser nula...

... Ou invertida, pois esta partícula central estaria sendo "puxada" e não "comprimida" pela massa total do corpo esférico
Todas as nossas observações indicam que a região mais central dos corpos celestes apresenta a maior temperatura e a maior pressão em cada um deles, as quais são cada vez menores à medida que a profundidade diminui, o que leva a pressão produzida pela força gravitacional a ser inquestionavelmente maior à medida que avançamos em direção ao núcleo dos referidos corpos.
Jonas Paulo Negreiros escreveu:Só não dá para explicar por que isso não acontece nos polos (eixo de rotação?) dos buracos negros, de onde escapam jorros de partículas luminosas (que desafiam todas as teorias vigentes).
O meu modelo favorito humildemente sugere uma resposta muito simples a este desafio. No cenário proposto pelo modelo, uma vez no disco de acresção de um buraco negro toda matéria bariônica estaria fadada a ser arremessada em direção ao plano do equador do buraco negro e despedaçar-se. Uma parcela destas partículas (os nêutrons) passaria a fazer parte da intransponível crosta sólida em torno do buraco negro, o qual, sendo uma estrela de nêutrons com mais massa, teria a mesma estrutura de uma, ou seja...
http://physicsact.files.wordpress.com/2007/10/estrela_neutron2.jpg
...o que tornaria a crosta sólida (ver figura) cada vez mais espessa e o buraco negro cada vez mais massivo (além da estrutura da estrela de nêutrons, apenas maior e mais massiva, ele teria também os jatos polares, abaixo tratados).

O restante das partículas seria aspergida de volta ao espaço interestelar, na forma de partículas de alta energia, gases, radiação gama e raios X, principalmente, formando o que é conhecido como jatos polares (bipolar outflow) ou relativísticos...
http://upload.wikimedia.org/wikipedia/commons/4/40/Galaxies_AGN_Inner-Structure-of.jpg
...material este que seria utilizado para a formação de novas estrelas e sistemas planetários, conforme aparentemente está sendo confirmado em http://www.dn.pt/inicio/ciencia/interior.aspx?content_id=3306743&page=-1. Desta forma, estas estruturas acabariam reciclando continuamente a matéria, formando sistemas sustentáveis, motivo pelo qual o meu modelo favorito é também chamado de “Universo Sustentável”.

Como este modelo prevê que todas as estruturas estáveis teriam idêntico mecanismo em todas as escalas de tamanho, ele iria de prótons...
http://commons.wikimedia.org/wiki/File:ProtonHydrodynamicsModel.png
...a este universo...
http://commons.wikimedia.org/wiki/File:UniversoSustentavelFluxoEnergiaEscura.png
...passando por átomos...
http://daugerresearch.com/orbitals/Orbital.320.small.gif
...furações...
http://earthobservatory.nasa.gov/Features/Hurricanes/Images/hurricane_section.gif
...interior de planetas...
http://upload.wikimedia.org/wikipedia/commons/thumb/2/27/Oceanic_spreading.svg/600px-Oceanic_spreading.svg.png
...atmosfera de planetas...
http://en.wikipedia.org/wiki/File:Jetcrosssection.jpg
..planetas...
http://www.nasa.gov/images/content/126296main_pia03550_detail.jpg
...sistemas planetários...
http://herschel.jpl.nasa.gov/images/kuiper_oort.jpg
...galáxias...
http://www.nasa.gov/images/content/498884main_DF3_Fermi_bubble_art_labels.jpg
...e aglomerados e conglomerados de galáxias.
http://universe-review.ca/I03-01-galaxies.jpg
http://universe-review.ca/I04-09-cluster.jpg
http://universe-review.ca/I04-09-cycle.jpg

Os buracos negros estelares (aqueles que ainda não têm uma galáxia em torno de si), em condições normais e tendo tempo suficiente, acabarão tendo...
http://mundonaweb.wordpress.com/2009/12/02/buracos-negros-podem-construir-sua-propria-galaxia-hospedeira-segundo-astronomos/
Jonas Paulo Negreiros escreveu: Talvez este jatos partam de válvulas de escape das partículas submetidas à violenta pressão interna dos buracos negros.
Quem fabricou, ajustou e instalou as tais válvulas de escape? Ou, por meio de qual mecanismo elas passaram a existir?
Jonas Paulo Negreiros escreveu:Seria de grande valor científico, se fosse possível medir a "velocidade de ejeção" dessas partículas
As velocidades, apesar de próximas à velocidade da luz no vácuo, são inferiores a ela (ver http://en.wikipedia.org/wiki/Polar_jet ).

[]s

Robson Z. Conti
Membro Ativo
Membro Ativo

Mensagens : 232

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Energia Escura como efeito do campo Gravitacional

Mensagem por Jonas Paulo Negreiros em 30th Setembro 2013, 10:45

Jonas escreveu:
Talvez este jatos partam de válvulas de escape das partículas submetidas à violenta pressão interna dos buracos negros.
Robson pergunta:
Quem fabricou, ajustou e instalou as tais válvulas de escape? Ou, por meio de qual mecanismo elas passaram a existir?
Digamos que, na "região equatorial" de um buraco negro, a velocidade escalar da superfície atingiu a velocidade da luz. Desse ponto não há como escapar mais nada.

Nos centros das regiões polares, a velocidade escalar é nula. Se há uma pressão absurda, em consonância com hipotese da expansão radial do buraco negro, é possível que alguma coisa escape exatamente desses dois pontos.

P.S.:
Obrigado pelo envio dos links.
avatar
Jonas Paulo Negreiros
Físico Profissional
Físico Profissional

Mensagens : 1723
Idade : 63
Localização : Jundiaí, São Paulo - Brasil

http://sbtvd.anadigi.zip.net

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Energia Escura como efeito do campo Gravitacional

Mensagem por jocax em 30th Setembro 2013, 18:19

Robson disse:
"..Você poderia informar que evidências (objetivas, seria desejável) você considera possuir de que “Nossa galáxia, assim como as galáxias distantes, estaria em constante contração, como vimos antes, devido à gravidade....”

JX: As evidencias seriam justamente os aperente
AFASTAMENTOS ACELERADOS das galaxias , e quanto mais distantes estivessem
mais aceleradas pareceriam estar !!!

----------------
Vc disse : "..Ou seja, as estrelas de nêutrons emitem menor quantidade de luz porque nelas existem muitos nêutrons e poucos elétrons ligados a prótons de forma a formar átomos...."

Ou porque o TEMPO MEDIO para um eletron cair num nucleo eh maior do que
para um eletron decair de orbital.


-------------------
Jx disse:
"...Pois a medida q vamos ao interior da estrela a forca da gravidade vai DIMINUINDO
claro q pode haver pressoes devido a gravidade q empurra as camadas mais externas
mas no centro da estrela a gravidade eh zero,( mas nao tvz a pressao )...."

Robson disse:

"..Você poderia, por gentileza, informar a fonte destes dados, em que a gravidade DIMINUI à medida que avançamos rumo ao interior das estrelas (e corpos celestes em geral)?...."

JX:
Isto eh porque as camadas mais EXTERNAS tambem exercem forca gravitacional
oposta as camadas mais internas. E no centro a Forca gravitacional eh NULA,
devido a simetria. Veja:

"..Dentro de uma esfera sólida de densidade constante, a força gravitacional varia linearmente com a distância até o centro e anula-se nele...."

http://pt.wikipedia.org/wiki/Teorema_das_cascas_esf%C3%A9ricas


--------------------

Vc disse:
".. ENTÃO os buracos negros são negros por falta do que emita fótons/luz no interior dos mesmos (prerrogativa exclusiva de elétrons) e não pela imensa gravidade dos buracos negros impedir a saída da luz (que nem mesmo é emitida), como dizem por aí...."

JX: Nao.
No interior do BN ele pode emitir luz la dentro, como num quarto escuro sem janelas. Mas esta luz nao conseguiria sair de la de dentro.

No seu caso, acho q nao funcionria pois um laser passando raspando
mas penetrando no horizonte de eventos do BN, poderia ser desviado e sairia de la.
Mas parece q isso nao ocorre. Se a luz entra , nao consegue sair mesmo.







jocax
Membro Regular
Membro Regular

Mensagens : 150

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Energia Escura como efeito do campo Gravitacional

Mensagem por jocax em 30th Setembro 2013, 18:26

Jonas disse:
"..A contração também não é uma forma de movimento?
Se temos partículas caminhando para o centro de seus próprios corpos, e se isso acontece de forma acelerada, temos uma situação de realização de trabalho, isto é: energia..."

Eu nao sei te dizer se a CONTRACAO DO ESPACO que contem corpos
eh equivalente a contracao dos corpos atraves do espaco. Percebeu?

Eu digo que o próprio espaço ( juntamente com os coropos ) se contrai e nao que os corpos estao se contraindo e o espaco permanece o mesmo.

Neste segundo caso haveria sim energia, no primeiro caso nao sei te dizer.

jocax
Membro Regular
Membro Regular

Mensagens : 150

Voltar ao Topo Ir em baixo

Página 5 de 7 Anterior  1, 2, 3, 4, 5, 6, 7  Seguinte

Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Voltar ao Topo


Permissão deste fórum:
Você não pode responder aos tópicos neste fórum